Sete detentos serram as grades e fogem da unidade prisional de Canoinhas - Segurança - A Notícia

Vers?o mobile

 

Segurança11/11/2018 | 13h53Atualizada em 11/11/2018 | 14h25

Sete detentos serram as grades e fogem da unidade prisional de Canoinhas

Fuga ocorreu na madrugada deste domingo. Entre eles, há três joinvilenses 

Sete detentos serram as grades e fogem da unidade prisional de Canoinhas Deap/Divulgação
Os homens teriam serrado grades de duas janelas para realizar a fuga Foto: Deap / Divulgação
A Notícia
A Notícia

Na madrugada deste domingo, 11, sete presos fugiram da Unidade Prisional Avançada (Upa) de Canoinhas, no Planalto Norte de Santa Catarina. A Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania (SJC) e o Departamento de Administração Prisional (Deap) confirmaram a informação via nota. Os homens teriam serrado as grades de duas janelas para realizar a fuga. 

Segundo o Deap, as medidas legais e administrativas já foram adotadas. As Polícias Militar e Civil já foram comunicadas e a Corregedoria Geral da SJC já foi acionada para apurar as circunstâncias da fuga.

Os detentos que fugiram são: 

Rafael Becker Ferreira, 23 anos, natural de Foz de Iguaçu, cumpria pena por furto e receptação;
Odair Otávio Borges de Oliveira, 27 anos, natural de Joinville, cumpria pena por tráfico;
Jean Carlos da Silva, 21 anos, natural de Joinville, cumpria pena por homicídio;
Anderson Luiz Martins, 21 anos, natural de Itajaí, cumpria pena por homicídio;
John Lennon Arantes de Camargo, 25 anos, natural de Manoel Ribas (PR), cumpria pena por posse de droga;
Ivan Prestes Ribeiro, 27 anos, natural de Ireonópolis, cumpria pena por roubo e estelionato;
Paulo Guilherme da Silva Alves,  18 anos,  natural de Joinville, cumpria pena por tráfico. 




 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaSC registra aumento de mortes por afogamento https://t.co/RxamJBgmFQhá 31 minutosRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaÓrgãos da Justiça e Segurança reforçam que tentativa de libertar criminoso com fuzil foi um caso isolado https://t.co/El36LNhhWkhá 31 minutosRetweet
A Notícia
Busca