Polícia registra três mortes violentas em Joinville em menos de 24 horas - Segurança - A Notícia

Versão mobile

 

Homicídios08/08/2018 | 11h03Atualizada em 08/08/2018 | 16h40

Polícia registra três mortes violentas em Joinville em menos de 24 horas

Ocorrências foram informadas entre a tarde de terça e a madrugada desta quarta-feira (8)

Polícia registra três mortes violentas em Joinville em menos de 24 horas Polícia Militar/Divulgação
Foto: Polícia Militar / Divulgação

Três mortes violentas foram registradas entre a tarde de terça-feira e a madrugada desta quarta-feira (8), em Joinville. Em um dos casos a vítima foi localizada já com o corpo em decomposição. Outros dois homicídios foram informados na sequência, um provocado por uma faca durante uma briga e o outro por disparos de arma de fogo em via pública.

De acordo com o delegado da Delegacia de Homicídios de Joinville, Eliezer Bertinotti, a primeira ocorrência foi confirmada no bairro Morro do Meio, na Zona Oeste, na tarde de terça (7). A suspeita é de que houve homicídio e um inquérito vai investigar a morte. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal de Joinville (IML) e, segundo o órgão, a família reconheceu o corpo como sendo do jovem Claudinei Bran de Oliveira, de 22 anos.

A segunda ocorrência foi informada por populares na rua Emílio Petri, no Boa Vista, às 19h53 da noite. Conforme testemunhas, Nestor Raimundo de Barros, 46 anos, foi atingido por uma faca durante um desentendimento e morreu no local. A Polícia Civil vai colher depoimentos e uma das hipóteses é de que a discussão iniciou por causa de uma dívida de R$ 50. O suspeito do crime morava no mesmo local que a vítima. Nestor deve ser velado no Rio Bonito, às 9h de quinta-feira, conforme a Central Funerária de Joinville.

Já o terceiro assassinato ocorreu na madrugada desta quarta, por volta de 0h30, conforme a Polícia Militar (PM). Edenilson Biazin, 25, foi morto a tiros na Rua Rio do Ferro, no Aventureiro, Região Leste, e o autor dos tiros fugiu do local. Não houve testemunhas e moradores locais relataram terem ouvido os disparos em frente a uma residência, além do som de "pneu cantando". O IML informou que o corpo também foi liberado nesta tarde.

->
 
A Notícia
Busca