Ex-padre anglicano é preso, em Joinville, suspeito de abusar de adolescentes - Segurança - A Notícia

Versão mobile

 

Segurança17/08/2018 | 19h36Atualizada em 17/08/2018 | 19h52

Ex-padre anglicano é preso, em Joinville, suspeito de abusar de adolescentes

Ele era considerado foragido e portava documentos falsos quando foi pego pela Polícia Rodoviária Federal 

Ex-padre anglicano é preso, em Joinville, suspeito de abusar de adolescentes PRF/SC/Divulgação
Ele era responsável por um lar de acolhimento em Campina Grande do Sul Foto: PRF/SC / Divulgação

Um ex-padre anglicano de 42 anos foi preso na manhã desta sexta-feira (17), em Joinville, suspeito de abusar sexualmente de três adolescentes no Paraná. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o homem estava foragido desde 2013, quando um mandado de prisão foi expedido contra ele pela Justiça paranaense. A prisão aconteceu na BR-101 depois do monitoramento dos policiais.

De acordo com a PRF, o homem ainda é suspeito de maus-tratos e exploração de trabalho infantil contra os adolescentes, que na época do crime tinham 13 anos. O homem seria o responsável por um abrigo para menores em Campina Grande do Sul, na região metropolitana de Curitiba, onde teriam acontecido os abusos. Ele foi preso na BR-101, por volta das 8h30, quando transitava de Itapoá para Joinville.

Segundo o agente de PRF, Rafael Viaro, o homem, identificado como Vinicius Ferreira de Lima, apresentou uma carteira de motorista em nome de outra pessoa no momento da prisão. Depois, confessou que estava com o documento falso no nome de João Alberto de Lima porque estava fugindo.

— Eu não cometi esse crime. Na verdade, o que aconteceu, é que três adolescentes me acusaram de ter passado as mãos nos órgãos genitais deles, que estavam sob minha guarda. Visto que estou preso, pretendo cumprir a pena que tiver que cumprir, mudar de vida e não fazer mais sofrer nem minha família, nem eu, nem eles também — afirmou.

Processo corre em segredo de justiça

A assessoria do gabinete da juíza Paula Candeiro Figueira, informou que o processo corre em segredo de Justiça por envolver menores de idade, e que o julgamento do caso ainda não aconteceu porque, à época, o foragido não foi localizado para ser citado.

O suspeito foi afastado das atividades sacerdotais em fevereiro de 2013, depois das investigações. Após a prisão na manhã desta sexta, ele foi encaminhado para a sede da Polícia Federal (PF) em Joinville. Em entrevista à NSC TV, o homem informou ainda não ter um advogado de defesa. A reportagem ainda tentou contato com a Igreja Anglicana, mas até a publicação desta reportagem não havia retornado o contato.  

* Os nomes dos adolescentes, bem como as imagens dos envolvidos, não foram divulgados por envolver menores de idade, respeitando o que determina o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).

Leia mais:
Polícia apreende 500 quilos de maconha após perseguição em Garuva
Homem é baleado na zona Leste de Joinville
Síndico de residencial é preso como suspeito de mandar matar morador em Joinville
Homem é preso por suspeita de tentativa de homicídio contra policiais em Joinville


 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaSaiba como foi a primeira eleição municipal de Joinville, há 150 anos https://t.co/V0i3ZR9HwX #LeianoANhá 17 minutosRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaPolícia prende mais um suspeito de integrar quadrilha que assaltava casas em Joinville https://t.co/E1KTVP57oA #LeianoANhá 52 minutosRetweet
A Notícia
Busca