Corpo de jovem que morreu após passar mal em festa será exumado em São Francisco do Sul - Segurança - A Notícia

Versão mobile

 

Região23/08/2018 | 16h07Atualizada em 24/08/2018 | 09h51

Corpo de jovem que morreu após passar mal em festa será exumado em São Francisco do Sul

Análise complementar foi solicitada pela polícia para esclarecer as circunstâncias da morte da adolescente

Corpo de jovem que morreu após passar mal em festa será exumado em São Francisco do Sul Arquivo Pessoal/Arquivo Pessoal
Patry tinha 16 anos e visitava os familiares na cidade Foto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal
A Notícia
A Notícia

O corpo da jovem Patry Zasnieski, que morreu após passar mal em uma festa, em São Francisco do Sul, será exumado. A análise complementar foi solicitada pela Polícia Civil para esclarecer as circunstâncias da morte da adolescente. De acordo com o delegado Marcel Araújo de Oliveira, responsável pelo caso, após a conclusão da exumação no cadáver, a polícia ainda deve realizar algumas diligências. 

Patry passou mal durante uma festa e os amigos a levaram para fora do estabelecimento porque a jovem estava sem ar. Segundo o proprietário da casa noturna, ela saiu andando com os amigos. Uma viatura da Polícia Militar (PM) avistou a movimentação, prestou atendimento e acionou os Bombeiros Voluntários, que encaminharam a jovem para a Unidade de Pronto Atendimento da cidade, onde foi medicada e liberada. 

No outro dia, ela foi encontrada no quarto pela mãe, que ainda conseguiu levá-la para a unidade de saúde, mas a adolescente chegou sem vida ao local. A família registrou boletim de ocorrência na delegacia de São Francisco do Sul.  Ainda conforme o delegado Marcel, as investigações estão no decurso final. Os familiares, amigos que estavam com a jovem no dia e funcionários da casa noturna já foram ouvidos.  

O delegado afirma que nenhuma hipótese na morte da adolescente está descartada e a exumação irá esclarecer pontos levantados durante investigação. O prazo legal para a conclusão do laudo é de dez dias. 

Jovem visitava familiares 

A adolescente tinha um filho de dois anos e, após engravidar, foi morar com o pai da criança no Rio de Janeiro. De acordo com Jorge Siqueira, sogro da jovem, no início deste mês, Patry havia voltado à cidade para visitar os pais e familiares. Segundo o sogro, a adolescente não tinha histórico de uso de drogas nem doenças conhecidas que explicariam a causa da morte. Jorge defende a hipótese de o caso ter sido negligenciado na unidade de saúde.  

— Como é que aplicam glicose num paciente e em seguida liberam para alta sem que essa pessoa permaneça em observação? — questiona ele.

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaHomem é morto a tiros na zona Norte de Joinville  https://t.co/HO0qe3acln #LeianoANhá 3 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaHomem é morto a tiros na zona Norte de Joinville  https://t.co/UNIZTsJHCz #LeianoANhá 4 horas Retweet
A Notícia
Busca