Polícia apreende drogas dentro de uma casa na zona Sul de Joinville - Segurança - A Notícia

Versão mobile

Segurança17/10/2017 | 17h32Atualizada em 17/10/2017 | 17h42

Polícia apreende drogas dentro de uma casa na zona Sul de Joinville

Investigação iniciou em agosto deste ano, após vários registros de boletins de ocorrência por furtos a residências

Polícia apreende drogas dentro de uma casa na zona Sul de Joinville Maykon Lammerhirt/A Notícia
Foto: Maykon Lammerhirt / A Notícia

A Polícia Civil, por meio de 2ª Delegacia de Polícia (DP), apreendeu grande quantidade de drogas na tarde desta segunda-feira em Joinville. As substâncias estavam em uma residência no bairro Paranaguamirim, zona Sul da cidade. Segundo o delegado José Danezi Neto, responsável pelo caso, a investigação começou em agosto deste ano, a partir do registro de diversos boletins de ocorrência por furto a residências. 

O inquérito policial foi instaurado para apurar diversos crimes desta natureza que ocorriam na zona Sul da cidade. Durante as investigações, policiais civis descobriram alguns locais apontados como possíveis casas dos suspeitos de envolvimentos nos furtos. 

Leia as últimas notícias de Joinville e região em AN.com.br

— Nós pleiteamos, junto ao Poder Judiciário, medidas cautelares de busca e apreensão e também de busca domiciliar e foi deferido. Ontem a tarde, quando os policiais se dirigiram para as buscas, encontraram todos esses objetos — garante. 

Durante o cumprimento dos mandados, a polícia localizou as substâncias. Dentro de casa, estavam porções de maconha, cocaína, crack e comprimidos de ecstasy. Além da droga, também foram localizados dois revólveres calibre .38 com a numeração suprimida, dinheiro, munições de diversos calibres, cinco balanças, simulacros de armas e aproximadamente 14 mil pinos que são utilizados para embalar cocaína — alguns preenchidos.  

— Havia também dois coletes balísticos e três balaclavas tipicamente usadas para assaltos, que ainda serão investigados. Possivelmente, tenha fortes indícios de algum roubo a bancos ou empresas de segurança ou furto — garante.  

Entrevista: Hoje, os presídios são home offices do crime, diz José Beltrame

O responsável pelo imóvel não estava no local no momento do cumprimento do mandado. Ainda segundo Danezi, a variedade e quantidade de munições localizadas sugerem que os suspeitos possuam armas diferentes das que já foram encontradas dentro da casa. Inicialmente, as investigações apontaram que, pelo menos, duas pessoas estariam envolvidas na prática dos crimes. 

— Analisando a forma como se dá essa movimentação do material, vamos pensar em receptadores, esse número vai aumentando. De três a quatro pessoas, no mínimo, podem estar envolvidas — afirma. 

O material apreendido demonstra a dinamicidade dos crimes, conforme o delegado, e as drogas teriam um valor extremamente relevante. Para ele, não é incomum que os criminosos praticantes de furtos a residências tenham envolvimento com traficantes de drogas ou assaltantes. Os suspeitos seriam pessoas com grande envolvimento no mundo do crime e viveriam exclusivamente com o dinheiro desta prática. 

As investigações continuam para identificar mais suspeitos de ter envolvimento no crime. Os itens apreendidos também serão analisados para colaborar com a solução do caso. 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaPolícia ouve pessoas que teriam sido feridas por engano durante ação do Bope em Piçarras  https://t.co/8r7vqd3KlI #LeianoANhá 3 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaPolícia Federal cumpre mandados em condomínio de luxo em Itapema https://t.co/DWWkvl9xZn #LeianoANhá 7 horas Retweet
A Notícia
Busca