Delegado espera que agressor de bebê se entregue nesta segunda-feira em Joinville - Segurança - A Notícia

Versão mobile

Violência19/03/2017 | 20h17Atualizada em 20/03/2017 | 09h13

Delegado espera que agressor de bebê se entregue nesta segunda-feira em Joinville

Homem teria golpeado menina com uma paulada durante uma discussão

Delegado espera que agressor de bebê se entregue nesta segunda-feira em Joinville Rodrigo Philipps/Agencia RBS
Delegado afirma que crime é decorrente de uma discussão sobre o aluguel do imóvel onde a família morava Foto: Rodrigo Philipps / Agencia RBS

O delegado Fabiano Silveira, da Delegacia de Homicídios de Joinville, espera que o agressor que bateu em uma bebê e no avô da criança na tarde de sábado se apresente com seu advogado de defesa ainda nesta segunda-feira. Foram empreendidas buscas pela Polícia Militar durante o sábado e o domingo e, por enquanto, o homem de 47 anos é considerado foragido. Segundo o delegado, não há registro de ocorrências criminais contra ele. 

— É um litígio civil, está claro para nós que a motivação é um desacerto com o contrato de aluguel deles — avalia Fabiano.

No domingo, ele ouviu o depoimento da mãe da criança, e espera que possa conversar com o avô da criança, que também foi agredido, se ele receber alta. Outras testemunhas também serão ouvidas, assim como a versão do suspeito, para entender o que levou ao crime. O que, no inquérito, não muda a gravidade da ocorrência. 

— Essa questão [o atraso no aluguel e a suspeita de furto] torna-se apenas um acessório em relação à desproporção entre a motivação e a ação dele. Uma criança foi ferida, e todo o resto fica muito pequeno perto disso — afirma o delegado.  

Confirma mais notícias de Joinville e região

O avô da criança está internado no Hospital São José. Já a menina está internada na UTI do Hospital Infantil e seu caso inspira cuidados.

Este é o segundo caso envolvendo agressão a criança menor de três anos nesta semana em Joinville. Na quarta-feira, um homem derrubou combustível no filho e ameaçou colocar fogo na casa e na criança, na zona Sul da cidade.

A NOTÍCIA

Notícias Relacionadas

Segurança 15/03/2017 | 12h54

Homem tenta colocar fogo em casa, mulher e criança no bairro Adhemar Garcia, em Joinville

Ele jogou combustível no corpo do menino e fez ameaças

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaMinistério Público Federal faz duas recomendações a novo projeto portuário de São Francisco do Sul  https://t.co/jOtsUXpbg4 #LeianoANhá 35 minutosRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaClaudio Loetz: Ex-CEO do Porto Itapoá implanta outro empreendimento  https://t.co/O8lLDM9BB3 #LeianoANhá 35 minutosRetweet
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros