Jalmei Duarte assume articulação política do governo Udo - Política - A Notícia

Versão mobile

Política18/12/2017 | 10h50Atualizada em 18/12/2017 | 10h52

Jalmei Duarte assume articulação política do governo Udo

Ele estava na presidência da Cia. Águas de Joinville desde 2015, papel assumido agora por Luana Siewert Pretto

Jalmei Duarte assume articulação política do governo Udo Salmo Duarte/Agencia RBS
Jalmei Duarte foi secretário de Desenvolvimento Econômico antes de assumir a presidência da Águas de Joinville Foto: Salmo Duarte / Agencia RBS

O economista Jalmei Duarte deixa a presidência da Companhia Águas de Joinville e assume a coordenação política do governo Udo Döhler, com novas atribuições no gabinete do prefeito. Ele terá a responsabilidade de fazer toda a ampla articulação entre o Poder Executivo e o Legislativo, a partir de janeiro.

— Identificamos vácuo neste relacionamento e, então, decidimos pinçar Jalmei para este trabalho. 2018 será um ano de intensa relação com os vereadores e com o mundo político, e ele vai acompanhar bem de perto isso tudo. Vai haver um trabalho mais profissional — afirmou o prefeito.

A primeira ação do novo articulador já é um desafio:  acompanhar e orientar os vereadores sobre o projeto de reforma administrativa da Prefeitura, da qual ele próprio é uma das peças. O prefeito convocou a Câmara para votar o texto da reforma para o dia 10 de janeiro. Ele também fará a interface entre a prefeitura e as entidades empresariais.

Jalmei sempre pautou sua vida profissional privado, e no âmbito político, em funções executivas.  Na gestão pública, foi secretário de Desenvolvimento Econômico de Joinville (agora Secretaria de Planejamento Urbano e de Desenvolvimento Sustentável), e, nos últimos anos, esteve à frente da Companhia de Águas.

Udo Döhler afirma que o trabalho de restruturação da companhia foi concluído pelo economista, e essa é a razão da troca. A ida de Jalmei para a nova atividade abre espaço para Luana Siewert Pretto chegar ao comando da Cia. de Águas. A alteração deverá ser aprovada pelo conselho de administração, que tem reunião dia 8 de janeiro.

As mudanças na organização não param. Larissa Nascimento deixa a companhia, onde era diretoria administrativa-financeira. Em seu lugar entra Filipe Schüur, que era diretor executivo da Secretaria de Administração e Planejamento.

Outra mudança fundamental na estrutura de poder municipal é o aperfeiçoamento da Controladoria, a qual terá um diretor executivo. Na fala do prefeito, isso significa que  esta área terá "maior presença junto aos órgãos do município". Na prática, Udo vai apertar os parafusos, aumentar a vigilância sobre o conjunto.

— É como se fosse um Tribunal de Contas — resume. 

Udo anuncia, também, que as subprefeituras ficarão subordinadas à Secretaria de Infraestrutura (Seinfra). Atualmente, a Pasta do Planejamento responde pelas subprefeituras. 

Outra alteração oficializada virá por conta da fusão de Secretaria de Meio Ambiente com a de Desenvolvimento Rural. A nova pasta ficará sob o comando de Jonas Medeiros, que já dirige a Sema. Na lista de atribuições, cuidar de gestão ambiental, das áreas de preservação permanente (apps) e das áreas de proteção ambiental (apas); do gerenciamento costeiro, e de recursos hídricos do município. 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaAutor do primeiro gol do JEC, Thiago Alagoano revela sonho do elenco no Campeonato Catarinense https://t.co/DXY5avYpDF #LeianoANhá 3 minutosRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaPrimeira rodada do Catarinense 2018 repete placares de 2016 https://t.co/KZ9JabX4in #LeianoANhá 39 minutosRetweet
A Notícia
Busca