Saavedra: Câmara de Joinville tem sobras, novamente, no orçamento  - Política - A Notícia

Versão mobile

Coluna Portal02/11/2017 | 07h29Atualizada em 02/11/2017 | 16h55

Saavedra: Câmara de Joinville tem sobras, novamente, no orçamento 

Valor destinado ao ano inteiro paga pouco mais de um mês das obras de duplicação em andamento

Saavedra: Câmara de Joinville tem sobras, novamente, no orçamento  Rodrigo Philipps/Agencia RBS
Foto: Rodrigo Philipps / Agencia RBS

As sobras da Câmara de Joinville em 2017 devem ficar em torno de R$ 9 milhões. A assessoria do Legislativo citou nesta semana a devolução de R$ 5 milhões à Prefeitura, com o restante sendo repassado até o final deste mês. Devido ao orçamento superestimado, desde o final dos anos 90 é feita essa devolução do excedente. 

A exceção ocorreu no início da década passada, quando a devolução não foi feita e os recursos foram usados na construção da atual sede. Também houve momentos em que a Câmara indicou onde o valor devolvido seria gasto, como em 2011 e 2012. Em despesas já pagas, a Câmara de Joinville gastou R$ 28,4 milhões neste ano. 

No ano passado, até o final de outubro, a despesa ficou em R$ 27,6 milhões (também pelo critério de gasto pago). Ao longo de sucessivas legislaturas, os vereadores sabem que o montante previsto no orçamento nunca será gasto porque é aprovado em soma elevada demais. 

Ainda assim, preferem não mexer na proposta enviada pela Prefeitura. Para o ano que vem, por exemplo, estão previstos R$ 49,7 milhões, sendo que o valor a ser gasto não chegará a R$ 40 milhões. Curiosamente, essa distorção orçamentária de vez em quando é apresentada como “economia”.


Leia as últimas notícias
Confira outras colunas de Saavedra 

OS AVISOS

Adesivos da Defesa Civil
Foto: Rogério da Silva,Prefeitura de Joinville,Divulgação / Divulgação

Adesivos em postes da área central de Joinville vão servir como indicativos para enfrentamento dos alagamentos: se a marca d’água ultrapassar determinado limite, é acionado uma espécie de plano B, com suspensão do trânsito de ônibus nas ruas atingidas. O embarque e desembarque passam a ser feitos em seis pontos já selecionados, com menor chance de transtornos por causa das chuvas.

Ainda é piloto
A ação da Defesa Civil de Joinville faz parte de plano-piloto, com os adesivos servindo como alerta à população. A medida é tomada porque as enxurradas em momento de maré alta inundam o terminal central de ônibus e dificultam o trânsito no entorno. Se a água passar do limite, os passageiros saberão que está sendo adotado modelo alternativo, com novos pontos e rotas.

Altura da água
O ponto de alerta ficará em torno de 25 centímetros: se água passar disso, ocorre a mudança no transporte coletivo. Além de dar opções aos passageiros, as novas rotas tiram os ônibus das áreas mais alagadas e, com isso, são reduzidos aos transtornos aos lojistas, cujos estabelecimentos são invadidos pela água cada vez que passa um veículo, por causa da marola.

Repasse para a BR-280
Por meio da assessoria, o senador Dário Berger (PMDB) garante que a duplicação da BR-280 terá reforço no Orçamento da União para 2018, com previsão de pelo menos R$ 72 milhões para a obra. Hoje, a proposta reserva apenas R$ 32,4 milhões. Dário tem conversado sobre as obras de Santa Catarina com o ministro Dyogo de Oliveira (Planejamento) e o relator do orçamento da União, o deputado Cacá Leão (PP-BA).

Segurança nos cemitérios
Apesar de número de ocorrências policiais ser baixos nesses locais Jaime Evaristo (PSC) vai insistir em mais segurança nos cemitérios públicos. O vereador quer inclusive uma base da guarda no Municipal. “As pessoas não se sentem seguras à noite durante os velórios. Vamos esperar que ocorra algo?”

“Vamos, Sílvio”
Na última reunião de Udo com a base governista, nesta semana, um vereador queria fazer umas perguntas mais reservadas ao prefeito ao final do encontro, se ele tem mesmo interesse em concorrer ao governo do Estado e tal. Não teve jeito: como sempre faz quando terminam essas reuniões, Udo se levanta e sai abruptamente, alegando estar indo para algum compromisso, pedindo pressa aos assessores etc. 

Elevado
A liberação da pista superior do elevado da Santos Dumont com a Tuiuti ainda está na dependência da conclusão do serviço de contenção em área recentemente liberada pelo Clube 31 de Julho. A intervenção, a ser concluída em dezembro, faz parte da duplicação da avenida. A iluminação do elevado fica pronta até segunda, com calçamento e sinalização até o dia 14. O governo do Estado trabalha com o cronograma de entregar a duplicação até o final do ano.

Precisa limpar
Uma das demandas no Paranaguamirim é a limpeza de um braço do canal do rio Velho, não muito distante do presídio. Há alguns anos, foi aberta uma vala de oito metros de largura, em extensão de 400 metros em direção ao mar. Mas como não houve mais limpeza, o mato tomou conta e a água voltou a ficar represada naquele ponto da zona Sul de Joinville. Para Lioilson Correa (PSC), o desassoreamento é uma das demandas do bairro Paranaguamirim.

Cobrança na rua Piratuba
Depois de pouca movimentação nos últimos dias, a obra de melhoria na rua Piratuba teve reforço de operários e máquinas ontem. Havia moradores se queixando de paralisação dos trabalhos na via da zona Norte de Joinville. A Prefeitura nega que a obra tenha parado, mas admite lentidão porque estavam sendo feitas intervenções na drenagem. Na semana que vem, recomeça a pavimentação. 

Piratuba
Foto: Salmo Duarte / A Notícia

Imprevisto
Na série de surpresas envolvendo a obra de drenagem do rio Mathias, a instalação da galeria na rua Fernando de Noronha vai demorar um pouco mais porque uma tubulação de água não estava exatamente no local previsto e terá de ser mudada de lugar. Depois, a galeria continua em direção à Visconde de Taunay.

Mais tempo
No entanto, as obras na Visconde só serão feitas a partir de janeiro, depois do período de festas, para evitar mais transtornos na Via Gastronômica. Há também uma frente de trabalho, sem grandes evoluções, mais perto do rio Cachoeira. O novo prazo de conclusão, até o final de 2018, evidentemente dificilmente será cumprido.

Assessoria
Ronaldo Bello foi nomeado para a assessoria de Darci de Matos, para atuar em Joinville. Ronaldo é suplente do PR na Câmara de Joinville. 

Sugestão
Richard Harrison (PMDB) está sugerindo à Gerência Regional de Educação estudos para a implantação de colégio militar no Jardim Paraíso. 


Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaJEC/Krona vence o Joaçaba e está nas semifinais do Estadual https://t.co/0THcIkplBJ #LeianoANhá 15 minutosRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaConheça a realeza da Schützenfest 2018, festa que ocorre em Jaraguá do Sul https://t.co/xK8i9mN5wR #LeianoANhá 1 horaRetweet
A Notícia
Busca