A blindagem dos corruptos - Política - A Notícia

Versão mobile

Moacir Pereira12/09/2017 | 02h20Atualizada em 12/09/2017 | 02h20

A blindagem dos corruptos

 A maior demonstração de falência do sistema partidário brasileiro se repete nos últimos meses com a proteção corporativista e fisiológica de seus dirigentes, militantes e filiados

A blindagem dos corruptos Divulgação Polícia Federal/Divulgação Polícia Federal
Foto: Divulgação Polícia Federal / Divulgação Polícia Federal

 A maior demonstração de falência do sistema partidário brasileiro se repete nos últimos meses com uma blindagem corporativista e proteção fisiológica de seus dirigentes, militantes e filiados. Até agora não se viu um único líder petista condenar o chafurdador ex-presidente Lula no lamaçal do Petrolão - Odebrecht. Não se registrou uma só palavra de condenação aos dirigentes nacionais do PMDB contra a quadrilha (Renan Calheiros, Romero Jucá, Edison Lobão, José Sarney, Jader BarbalhoValdir Raupp e Sérgio Machado) que está sendo denunciada outra vez pelo procurador-geral da Republica. Acusação gravíssima de organização criminosa. O mesmo se repete em relação ao PSDB no caso do senador Aécio Neves e ao PP, com seu comando também denunciado.

Oportuna, por isso, a decisão do presidente estadual do PMDB, deputado Mauro Mariani, de propor nesta terça aos líderes nacionais do partido, em Brasília, a renuncia coletiva da executiva nacional e a eleição de um novo comando. Isto dificilmente vai acontecer, o que só comprovará esta blindagem ridícula e imoral que protege investigados, denunciados e até condenados pela Justiça.

Nova sede
Com a presença da cúpula estadual e dos parlamentares, o PSDB catarinense inaugurou sua nova sede.  Homenageou o espaço mais amplo, dando-lhe o nome do professor Jacó Anderle, um dos fundadores do partido e um dos principais articuladores. Na ocasião, os tucanos receberam a visita do presidente estadual do PP, deputado Esperidião Amin, acompanhado das principais lideranças estaduais.

Gato baiano
Há pelo menos 15 anos, nos bastidores da política, o então deputado federal Edison Andrino de Oliveira (PMDB) já evitava contatos com o colega baiano Geddel Vieira Lima. Explicava aos correligionários que Geddel era envolvido em corrupção, tinha práticas nada éticas, e uma postura prepotente e arrogante.

Bierville
Programação da 3ª Bierville - Festa da Cerveja de Joinville vai ser lançada amanhã na Expoville. O evento está marcado para o período de 11 a 14 de outubro, com a participação já confirmada de cervejarias artesanais e restaurantes com gastronomia germânica da região. A iniciativa é da prefeitura de Joinville.

Executado
Quando um policial militar morre por alguma doença, familiares e a PM respeitam luto. Quando um PM é executado de forma covarde, como o cabo Everaldo Campos, em Guabiruba, o pesar profundo se estende por toda a sociedade. É um agente de segurança a menos para defendê-la desses facínoras que só geram intranquilidade na família catarinense. Por isso, força total para prender e punir os criminosos.

Absolvidos
Juízo da 12ª Vara da Justiça Federal de Brasília rejeitou ação impetrada pelo Ministério Público Federal contra os ex-deputados Angela Amin (PP), Carlito Mers (PT), Djalma Berger (PMDB) e Gervásio Silva sob alegação de irregularidades nas passagens aéreas. Já o ex-deputado Ivan Ranzolin teve extinta a punibilidade na mesma ação.

Acompanhe as publicações de Moacir Pereira

Corrupção sem fim

Polícia de Criciúma deve receber viaturas e equipamentos de empresas e da comunidade

Com viagem de Dreveck, Aldo Schneider assume a presidência da Alesc

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaPrefeitura de Joinville divulga as vagas de emprego disponíveis no Cepat https://t.co/Ksm9gcmP2U #LeianoANhá 12 minutosRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaEm Joinville, PM diz que há barreiras diárias, mas não ações específicas para coibir uso de álcool na direção https://t.co/dAptg1JJGP #Lei…há 7 horas Retweet
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros