SUS está matando os hospitais - Política - A Notícia

Versão mobile

Moacir Pereira03/07/2017 | 11h58Atualizada em 03/07/2017 | 12h06

SUS está matando os hospitais

Deputada federal  Carmem Zanotto enfatizou que a delicada situação financeira do Hospital de Caridade em Florianópolis repete-se na maioria dos hospitais filantrópicos

SUS está matando os hospitais Marcello Casal Jr. / Agência Brasil/Agência Brasil
Foto: Marcello Casal Jr. / Agência Brasil / Agência Brasil

Durante o ato de posse da nova mesa administrativa da Irmandade do Senhor dos Passos, o ex-provedor Luiz Mário Machado fez um relato das principais realizações, enfatizando que o Sistema Único de Saúde (SUS) está provocando a falência dos hospitais filantrópicos. Ele transmitiu o comando da Irmandade, mantenedora do Imperial Hospital de Caridade, ao professor e economista Nelson Pamplona da Rosa, durante celebração presidida pelo padre Pedro Koehler.

Os integrantes da nova mesa da Irmandade do Senhor dos Passos, presidida por Nelson Pamplona Foto: Moacir Pereira / Agencia RBS

A deputada federal e enfermeira Carmem Zanotto (PPS), que recentemente foi admitida na Irmandade, participou da solenidade e enfatizou que a delicada situação financeira do Hospital de Caridade repete-se na maioria dos hospitais filantrópicos por conta da defasagem da tabela de honorários do SUS.

Luiz Mário Machado revelou, após a cerimônia, que o custo de uma diária hospitalar está em R$ 2.300,00. E o SUS paga apenas R$ 600,00. As cirurgias, internações e UTIs têm déficits muito maiores.

Um levantamento feito pelo setor financeiro da Irmandade concluiu que o custo mensal pela assistência aos pacientes do SUS está em R$ 2.812.052,05, enquanto o SUS repassa apenas R$ 781.285,33. Se contabilizadas taxas, isenções e contribuições sociais, os créditos chegam a R$ 1.911.463,27. O déficit operacional só com o SUS é de R$ 724.891,67.

Dado relevante: mais de 60% dos pacientes internados no Imperial Hospital de Caridade são atendidos pelo SUS.

Grave: segundo o ex-provedor, no ano passado a prefeitura de Florianópolis e o governo do Estado nada repassaram para o hospital.

Leia outras notas de Moacir Pereira desta segunda-feira

Contorno
Hipótese de atraso nas obras do contorno da BR-101 na Grande Florianópolis volta a preocupar lideranças de toda a região. É que a Autopista Litoral rescindiu no fim de semana o contrato com a Pavsolo, cujos trabalhadores estavam em greve. O trecho em construção está parado há mais de 20 dias. O vereador Nirdo Luz (DEM), de Palhoça, anunciou que vai cobrar uma posição da concessionária sobre o novo atraso.

Julgamento
Advogado Marlon Bertol entrou com habeas corpus no Superior Tribunal de Justiça em nome do ex-prefeito de Lages Eliseu Matos (PMDB), preso pelo Gaeco em 2014 e denunciado pelo Ministério Público por suposto recebimento de propina em contratos com a Emasa. Alega: ¿Não existem provas de qualquer participação ou concordância com qualquer crime. O que foi apurado até agora desmentiu as acusações narradas pelos delatores¿. Bertol acrescenta que o Tribunal de Contas aprovou as contas de Matos durante o período das investigações. 

Expansão
A Faculdade Esucri/Uniasselvi anunciou para este semestre novos polos de ensino em Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Em território catarinense, vai inaugurar as unidades de Içara e Araranguá. E ampliará o polo em Criciúma, que já abriga 9 mil estudantes de toda a região Sul. No primeiro momento, serão oferecidos cursos de educação à distância. 

Licenciamento
A Fundação do Meio Ambiente entrega amanhã o novo Sistema de Licenciamento Ambiental (Sinfat) a sete prefeituras catarinenses. Trata-se de ferramenta eletrônica que orienta a gestão ambiental nos municípios. Projeto executado em parceria com Ministério Público Estadual e Fecam, visando à unificação da linguagem e concessão de licenças ambientais. 

Homenagem
Primeira mulher a presidir uma escola de samba em Santa Catarina – a Embaixada Copa Lord –, a professora Uda Gonzaga foi homenageada pelo vereador Tiago Silva, por seu aniversário (foto). Nasceu e vive até hoje no Morro da Caixa, onde participa há décadas de atividades comunitárias, sociais e carnavalescas. 

Curtas 

Deputado Aldo Schneider (PMDB), vice-presidente da Assembleia Legislativa, teve alta hospitalar em São Paulo, após delicada cirurgia na coluna. Inicia agora tratamento em Santa Catarina. 

Médico Luiz Barbosa Neto, da Fundação Logosófica, apresenta palestra hoje, às 20h, no auditório do Edifício Atrium, na Pedra Branca.

Acompanhe as publicações de Moacir Pereira


 
 
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros