Saavedra: futuro de duas escolas entram em discussão em Joinville  - Política - A Notícia

Versão mobile

Portal12/07/2017 | 06h30Atualizada em 12/07/2017 | 08h23

Saavedra: futuro de duas escolas entram em discussão em Joinville 

Simone Schramm discorda das observações do vereador Rodrigo Coelho (PSB)

A secretária Simone Schramm, da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Joinville, discorda das observações do vereador Rodrigo Coelho (PSB) em relação ao futuro das escolas Maestro Francisco Manoel da Silva, do bairro Vila Nova, e Germano Timm (ala antiga), no Centro.

A secretária alegou que a própria comunidade sugeriu a ocupação do colégio do Vila Nova por setores de segurança da Prefeitura. Simone também lembra que a escola está sendo desativada porque um novo colégio de ensino médio será entregue à comunidade. 

Leia mais notícias de Joinville e região
Confira outras notas de Jefferson Saavedra 

Quanto à ala antiga da Germano Timm, com possível ocupação pela Associação de Joinville e Região da Pequena, Micro e Média Empresa (Ajorpeme), Simone lembra que outras opções foram estudadas, sem sucesso. Nas duas escolas, Rodrigo Coelho queria uso para ações de educação e cultura.

A secretária da ADR lembra ainda do colégio Elpídio Barbosa, no bairro Costa e Silva, a ser utilizado pela Casa do Adalto.

— Esse prédio seria leiloado e surgiu essa opção. Não podemos mais deixar o patrimônio público se deteriorando, como ocorreu no Conselheiro Mafra. O vereador poderia nos ajudar a achar um destino para os prédios desativados — diz.

A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros