Saavedra: Prazo para obras de acessibilidade na Delegacia Regional se esgota e Justiça faz cobranças - Política - A Notícia

Versão mobile

Portal05/06/2017 | 07h00Atualizada em 05/06/2017 | 07h00

Saavedra: Prazo para obras de acessibilidade na Delegacia Regional se esgota e Justiça faz cobranças

Polícia Civil está atrás de recursos para realizar a reforma no prédio localizado na rua Blumenau

Como o prazo de oito meses concedido em liminar já se esgotou, a Justiça está perguntando à Delegacia Regional de Polícia Civil quais medidas foram tomadas para atender às regras de acessibilidade no prédio da rua Blumenau, sede da DRP em Joinville.

Dentro do prazo, o imóvel teria de estar adequado. Ação do Ministério Público de 2015 apontou dificuldade de acesso ao prédio, onde também funciona o Ciretran. A Polícia Civil está atrás de dinheiro para a reforma. Entre 2013 e 2014, a delegacia passou por reformas, ao custo de R$ 360 mil, com troca do revestimento e da fiação e melhoria na cobertura.

Como estão os museus
Nos inquéritos civis abertos pelo Ministério Público para cobrar a adequação dos museus de Joinville à lei federal do setor, também há questionamentos à Secretaria de Cultura e Turismo sobre as condições dos prédios. Uma das perguntas é se há necessidade de reformas. O Museu de Arte está na lista.

Nas ruas
A volta de moradores de ruas, às dezenas, embaixo de marquise de banco no Centro de Joinville, pertinho do terminal, talvez seja o melhor termômetro da crise na área central. O espaço nunca deixou de ser ocupado nos últimos anos, só que nos há meses vem crescendo o contingente. E se tratando da área central, em outros pontos também aumenta a população de rua, ainda que o atendimento no Centro Pop não tenha detectado avanço.

ISS do turismo
Ninfo König pediu a Prefeitura de Joinville os valores com arrecadados com o ISS de atividades turísticas desde 2014. É um pedido de informação bastante amplo: além dos serviços de hospedagem, traslados e guias, entraram também os espetáculos, fotografia, câmbio, estacionamentos, entre outros. Para ter feito esse tipo de pedido. o vereador deve estar pensando em projeto para setor.

Nota do PSB
Em nota, o PSDB de Joinville lamenta a oferta do governo Udo de conceder metade da inflação aos servidores. O reajuste prevê pagamento de 1% em agosto e 1% em outubro. O partido lembra do crescimento da receita da Prefeitura acima da inflação e cita o governo Tebaldi (2002-2008), com pagamento de inflação com ganho real e sem greves. ¿Não compreendemos a proposta de reajuste, de apenas metade da inflação¿, alega o PSDB na nota.

Nomes do PMDB
Em encontro do PMDB Mulher em Içara, na região de sua base eleitoral, o vice-governador Eduardo Pinho Moreira, citou Mauro Mariani como um dos nomes do partido para governo do Estado. E em caso de nome consolidado, segundo relato do partido, terá o apoio de ¿todos¿. Não chegou a ser informado se o vice citou outros nomes no final de semana.

Até final do ano
Se as duas desapropriações pendentes forem resolvidas, tarefa da Prefeitura de Joinville, a Secretaria de Estado da Infraestrutura garante a entrega até o final do ano da duplicação da Santos Dumont, incluindo o elevado na Tuiuti. As obras estão em ritmo normal, as desapropriações serão necessárias em dois meses. Dos R$ 81 milhões previstos para as duas obras, incluindo a supervisão, já foram gastos R$ 56 milhões, segundo o Portal da Transparência.

Com os vereadores
Udo Döhler e Fernando Krelling se encontraram na Festa do Aipim, onde o presidente da Câmara disputou a prova do estilingue com o prefeito – o alvo eram latas, deu um conveniente empate. Nesta semana, Udo volta a se reunir com a bancada do PMDB, na terça. Na quinta, é a vez do encontro com toda a base.

Pedido
O deputado estadual Patrício Destro (PSB) contou nas redes sociais ter pedido à Secretaria de Estado da Agricultura à entrega de roçadeira hidráulica à ADR de Joinville. Desde o final do mês passado, a máquina já vem limpando a vegetação às margens das rodovias estaduais na região da agência, com mais eficiência do que o trabalho manual.

O pro labore
O Tribunal de Contas do Estado julga nesta semana um dos esqueletos da saúde pública de Joinville, o pagamento de produtividade (pro labore) a médicos e dentistas sem previsão em lei. A representação do Ministério Público de Santa Catarina no TCE é referente ao período entre 2002 e 2012.

A defesa
No governo Tebaldi, foi apontado o pagamento de R$ 9,8 milhões aos profissionais, enquanto que na gestão Carlito, de menor duração, foram desembolsados R$ 4 milhões. Em 2013, o pro labore ganhou regulamentação em lei municipal. Na sessão desta semana, o tribunal vai se pronunciar sobre a defesa dos ex-prefeitos de Joinville.

Que nem shopping e aeroporto

Foto: Maykon Lammerhirt / Agencia RBS

Antes da reforma de 2001 na Rodoviária de Joinville, a promessa era de ¿estrutura de shopping no pavimento superior e de aeroporto moderno, no piso térreo¿, segundo material de divulgação da Prefeitura, guardado pela coluna até hoje. Como se viu nos últimos anos, o slogan está cada vez mais difícil de se concretizar.

Lava Jato
Pela ¿sabedoria, ética e respeito¿ na condução da operação, Rodrigo Coelho (PSB) propôs moção na Câmara de Joinville para parabenizar o juiz Sergio Moro e integrantes da Polícia Federal e do Ministério Público Federal pela atuação na Lava Jato. Os resultados da apuração, segundo o vereador, ¿despertam a esperança¿ no povo brasileiro.

Vale Verde
Alodir Cristo, um dos mais ferrenhos defensores do Vale Verde considera até positivo que Udo Döhler tenha se manifestado sobre o projeto, ainda que com críticas duras, já rebatidas. Para o ex-vereador, agora é possível fazer o ¿debate¿ porque são conhecidos os motivos pelos quais o prefeito é contra ¿Antes, só se sabia que a Prefeitura não queria e mais nada.¿

Presídio
O juiz João Marcos Buch está citando o último prazo para que o Deap apresente o plano de ação para melhorias no Presídio Regional de Joinville. O Deap é o departamento do governo Estado responsável pelo sistema prisional. Laudos da Vigilância Sanitária e dos bombeiros voluntários foram anexados.

Vem de antes
Vistorias da OAB e do Conselho Carcerário também foram enviadas ao Deap. Se o plano não for apresentado em 15 dias ou não apontar resolução para os problemas, o juiz da 3ª Vara Criminal vai interditar o presídio, o que, na prática, significa que não será permitida a entrada de novos detentos – quem estiver lá, permanece. As cobranças são antigas, de outros anos, com a portaria de análise da interdição publicada em abril.

Moradias populares
O Ministério das Cidades selecionou o projeto da Habitação de Joinville para construção de loteamento de 227 unidades no Cubatão 2. Há outras etapas a serem vencidas até a liberação do dinheiro pelo Minha Casa, Minha Vida.

De volta
Os moradores estavam desconfiados de paralisação, mas com a volta do sol, foi retomado o trabalho na galeria e nas calçadas da Otto Boehm.

Não estava tudo certo?
Tal sorte não tiveram ainda os moradores e usuários da rua Piratuba, ainda sem volta das obras no Bom Retiro.

 
 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaJogo-treino entre reservas e time sub-20 marca o início da semana do JEC https://t.co/w4tcsebxAs #LeianoANhá 22 minutosRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaCarreta bate em árvore e trânsito fica complicado na Expedicionário Holz, no Centro de Joinville https://t.co/aibwo3hSie #LeianoANhá 3 horas Retweet
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros