Iate de Joesley Batista foi levado de Itajaí a Miami dois dias antes do término da delação premiada - Política - A Notícia

Versão mobile

Lava-Jato23/05/2017 | 12h10Atualizada em 23/05/2017 | 16h32

Iate de Joesley Batista foi levado de Itajaí a Miami dois dias antes do término da delação premiada

Sem alarde, embarcação passou dois meses ancorada na Marina Itajaí

Foto: Reprodução / Reprodução

Em meio ao terremoto de denúncias que desestabilizou o governo federal e fez estragos em Santa Catarina, veio à tona o destino do iate milionário que pertence a Joesley Batista, o responsável pelas delações que abalaram a República. Sem alarde, a embarcação de 98 pés, avaliada em US$ 10 milhões e batizada com o sugestivo nome "Why Not" — "por que não", em inglês — passou quase dois meses atracada na Marina Itajaí antes de ser levada de navio para Miami.

O iate chegou no dia 15 de março, poucas semanas após o empresário ter proposto o acordo de delação premiada. Difícil afirmar se já era um indício da intenção de deixar o país, mas o fato é que o iate veio sob o intermédio da empresa de logística Dacon, com papelada de envio para o exterior.

O embarque no navio foi feito no dia 8 de maio, dois dias antes do término da delação explosiva. O iate foi levado da Marina Itajaí até o Porto de Itajaí, e a operação delicada de içá-lo para dentro do navio demorou cerca de cinco horas, das 15h às 20h. A data de desembarque do barco em Miami não foi divulgada.

As últimas informações sobre o paradeiro da família Batista são que, com autorização da Justiça, eles embarcaram no Aeroporto de Guarulhos para Nova York, no dia 10 de maio. Desde então o empresário não foi localizado.

Leia também:

Senador Paulo Bauer é citado em delação da JBS

Antonio Gavazzoni deixa a Secretaria da Fazenda de SC

Colombo e cúpula do PSD teriam pedido R$ 17,1 milhões para a Odebrecht

Colombo nega ilegalidade no recebimento de verbas para campanha em 2014 

Antonio Gavazzoni, o supersecretário do governo Colombo

"Delator sob pressão vende a mãe", diz Colombo ao falar sobre delação da JBS

Delator da JBS diz que pagou R$ 10 milhões para Colombo; governador nega

 
 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaDiogo Vargas: O embate polícia x bandidos  https://t.co/bSLPYVisfB #LeianoANhá 1 horaRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaO embate polícia x bandidos  https://t.co/uONuincFTA #LeianoANhá 4 horas Retweet
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros