Saavedra: Justiça bloqueia R$ 18,4 milhões de duas clínicas de anestesiologia - Política - A Notícia

Versão mobile

Portal08/10/2016 | 08h06

Saavedra: Justiça bloqueia R$ 18,4 milhões de duas clínicas de anestesiologia

Valor se refere aos pagamentos de serviços de anestesia entre 2003 e 2013 prestados ao Hospital São José

Em ação do Ministério Público de Santa Catarina, a Justiça concedeu liminar na quinta para decretar a indisponibilidade de R$ 18,4 milhões em bens de duas clínicas de anestesiologia, médicos e ex-dirigentes do Hospital Municipal São José, de Joinville. O valor é referente aos pagamentos realizados pelos serviços de anestesia entre 2003 e 2013, contratados sem licitação, segundo o MP – a atuação de pelo menos uma das clínicas no hospital começou ainda nos anos 80.

A ação da 13ª Promotoria de Justiça de Joinville, apresentada no início de setembro, foi desencadeada após informações recebidas do Ministério Público Federal ainda em 2013, quando o contrato foi encerrado pelo hospital, as clínicas deixaram o hospital e o serviço de anestesia passou a ser feito somente por médicos concursados (mais profissionais foram contratados depois por meio de concurso público).

A liminar foi concedida pelo juiz da 2ª Vara da Fazenda Pública, Roberto Lepper, com a alegação de indícios de improbidade administrativa. Como a decisão é uma liminar e foi tomada em primeira instância, cabe recurso.

As auditorias

A ação do Ministério Público se baseou também em auditorias internas e tomadas de contas da Prefeitura de Joinville que apontaram a inexistência de licitação para a contratação de empresas. Além disso, procedimentos realizados por médicos concursados estariam também sendo faturados para as empresas, o que pode ter provocado pagamentos em duplicidade. Também foi apontado uso da tabela da CBHPM, a classificação de procedimentos médicos, e não a do SUS, para o pagamento de parte dos procedimentos no período analisado.

A defesa

Procurada pela coluna, uma das clínicas alegou que só se manifestará após ter acesso ao processo. Neste momento, está sendo constituída defesa jurídica. Além das duas empresas, a liminar da indisponibilidade atinge outras 41 pessoas. O Tribunal de Contas do Estado também abriu tomada de contas especial para analisar o caso.

Insistência

No encontro com os candidatos participantes do segundo turno em Joinville, a Associação Empresarial de Joinville (Acij) vai reforçar o pedido pela transformação da área do batalhão do Exército em parque municipal, uma ideia antiga. Não há planos de os militares deixarem a quadra na área central da cidade.

Só quarta

A Justiça Eleitoral aceitou os pedidos das campanhas de Darci de Matos (PSD) e de Udo Döhler (PMDB) e adiou para quarta o reinício do horário eleitoral em rádio e TV. Inicialmente, a propaganda no segundo turno recomeçaria na segunda. Desta vez, serão dois blocos diários de 20 minutos cada. Além disso, serão 70 minutos de inserções por dia, tudo dividido entre os dois candidatos. A propaganda se estende até o dia 28.

Ao TJ

Sem conseguir liminar em primeira instância, condomínio de hotel, restaurante e pizzaria instalados na Otto Boehm estão recorrendo ao Tribunal de Justiça para tentar impedir a obra da drenagem do rio Mathias na rua até que sejam apresentados detalhes. O pessoal teme atrasos na obra, com possibilidade de prejuízos.

Pelo Centro

A Otto Boehm terá interdição parcial e nesse momento a Águas de Joinville faz a realocação das redes de água. As galerias de drenagem começam a ser instaladas logo depois dessa intervenção, provalvemente em novembro. A drenagem será feita no trecho entre a Eusébio de Queiroz e o rio Cachoeira.

Saída

Com a troca no comando do governo federal, o ex-prefeito Carlito Merss foi exonerado da Junta Comercial de Santa Catarina, onde era vogal por indicação da União. O petista havia se licenciado do cargo para concorrer a prefeito de Joinville. A portaria da exoneração foi publicada nesta semana.

Derrota de João Carlos

A derrota na tentativa de reeleição não significa a saída da vida política de João Carlos Gonçalves (PMDB). “Vou me preparar para 2018 e 2020”, resume o vereador em primeiro mandato e terceiro suplente do PMDB a partir de 2017, o que lhe dá chances de assumir na Câmara caso eleitos sejam chamados para secretarias, em eventual reeleição de Udo Döhler.

Metade dos votos

Para João Carlos, a acusação de apropriação de parte dos salários de assessores – ele foi absolvido pela Justiça – foi determinante para impedir sua reeleição. “Houve muito espaço quando fui acusado. Quando absolvido, tive pouco espaço na mídia”, diz ele, dono de 2.254 votos em 2016 (fez 5.358 em 2012).

Esgoto

O Ministério Público conseguiu no Superior Tribunal de Justiça  a manutenção de liminar concedida em Joinville em primeira instância com determinação para adequação do conjunto habitacional Monsenhor Sebastião Scarzello, construído pela Cohab nos anos 80. A cobrança é pela instalação de rede de esgoto.  Sem o tratamento, há risco de degradação no rio Itaum, ali ao lado.

Sobre apoios

A gravação de apoio de Colombo a Darci exibida no horário surpreendeu a campanha de Udo no primeiro turno, rendendo até telefonemas queixosos a Pinho Moreira. Não que o pessoal do PMDB esperasse adesão formal à campanha de Udo, mas pelo menos neutralidade, como foi em 2012. Mas com o passar do tempo, a situação passou a não ser vista como tão grave.

Agora é?

A campanha de Udo pode exibir obras estaduais em “parceria” com o Estado e ainda fazer “cobranças”, como mais efetivo para PM e repasses para a saúde. Pode ficar com o bônus, mas não com eventual ônus. É curioso isso. Udo sempre foi aliado de Colombo, o prefeito era o primeiro a recepcioná-lo nas visitas a Joinville e eram frequentes as audiências em Florianópolis. Agora, o distanciamento.

Presenças
Os vereadores eleitos vão aparecer na propaganda de Udo no segundo turno, assim como foi feito em 2012.

“Voz da oposição”
Maycon Cesar tem dito que constatou, agora, ter sido “usado” em determinados momentos em confrontos dentro da Câmara.

Bola de cristal
Qualquer que seja o resultado da eleição no segundo turno, o vitorioso terá maioria na Câmara de Vereadores de Joinville a partir de 2017. Até com alguma folga.

A NOTÍCIA

Notícias Relacionadas

Portal 06/10/2016 | 07h02

Saavedra: Corrida na Justiça para impedir a votação da LOT

Outras três ações devem ser protocoladas ainda esta semana para tentar suspender andamento da votação do projeto

Portal 29/09/2016 | 07h01

Saavedra: Último balanço mostra recuo no peso da folha de pagamento da Prefeitura de Joinville

A despesa mensal esteve em média em R$ 61 milhões nos últimos 12 meses

Portal 07/09/2016 | 07h04

Jefferson Saavedra: Aumentam os roubos de celulares em Joinville

No mês passado, foram 42 casos registrados apenas na Zona Sul

AN Portal 13/08/2016 | 07h31

Peso da folha será o maior desafio do próximo prefeito de Joinville

Ainda sem o reajuste de 2016, folha de pagamento está em R$ 790 milhões anuais

AN Portal 17/02/2016 | 09h23

Jefferson Saavedra: Fiscalização dos bombeiros militares atende a pedido do MP em Joinville

Bombeiros militares estão fiscalizando hotéis e pousadas na cidade

AN Portal 13/02/2016 | 07h03

Paulo Bauer avalia as disputas de 2016

Senador considera improvável lançar candidatura à Prefeitura de Joinville

AN Portal 28/12/2015 | 07h02

Frota de veículos de Joinville cresceu menos em 2015

Taxa de crescimento pode ser considerada a pior em pelo menos 13 anos

AN Portal 26/12/2015 | 09h03

Gastos da Câmara de Vereadores de Joinville com diárias sobem 19% e chegam a R$ 775,2 mil

Marinebus volta a fazer viagens, Litoral Norte tem pontos impróprios para banho e outras notícias

AN Portal 24/12/2015 | 07h32

Jefferson Saavedra: em duas décadas, consumo de drogas entre jovens atinge índice preocupante em Joinville

Consumo de maconha pulou de 1% para 29% e de bebidas alcoólicas, de de 37% para 79%

AN Portal 23/12/2015 | 07h06

Jefferson Saavedra: tarifa de limpeza urbana será reajustada acima da inflação em Joinville

Aumento será de 14,21%, enquanto o índice inflacionário dos últimos 12 meses está em 10,48%

AN Portal 22/12/2015 | 07h06

Jefferson Saavedra: reajuste da tarifa de água será maior e vai chegar antes para o consumidor joinvilense

Medidas foram aprovadas nesta segunda-feira pelo Conselho Municipal de Água e Esgoto

ANPortal 15/12/2015 | 10h29

Saavedra: Regra de licitação cria impasse na volta da Zona Azul em Joinville

Projeto na Câmara é o último passo antes do lançamento da licitação

Jefferson Saavedra 05/11/2015 | 07h11

Saavedra: mantida a lei do horário de pico para o tráfego de trens em Joinville

Em duas tentativas na Justiça, a ALL não conseguiu suspender as leis municipais de proibição

 
 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaJoinvilense ganha quase R$ 1 milhão em aposta na Lotofácil https://t.co/m1zlCP6xes https://t.co/exHcidw8sXhá 1 horaRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaLoetz: OAB de Joinville vai pedir suspensão do projeto que autoriza entrada do Uber na cidade https://t.co/ZAae2Kihjdhá 2 horas Retweet
  •  
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros