Grandes nomes políticos catarinenses fazem balanço das eleições  - Política - A Notícia

Versão mobile

Moacir Pereira04/10/2016 | 07h41Atualizada em 04/10/2016 | 07h41

Grandes nomes políticos catarinenses fazem balanço das eleições 

Entre os líderes, o governador Raimundo Colombo comemorou a vitória do PSD em cinco prefeituras dos 18 municípios

Grandes nomes políticos catarinenses fazem balanço das eleições  Arquivo Pessoal/Facebook
Foto: Arquivo Pessoal / Facebook

Durante reunião domingo à noite, já em Florianópolis, o governador Raimundo Colomboreuniu alguns assessores para avaliar as eleições. Comemorava ainda a vitória de Antônio Ceron, o novo prefeito de Lages. Em sua região eleitoral, o PSD obteve vitórias em cinco dos 18 municípios. Além disso, seu partido disputa o segundo turno em Joinville e Blumenau e na Capital está aliado com Angela Amin.

Joinville, Florianópolis e Blumenau colocam PMDB e PSD em trincheiras opostas em Santa Catarina

O vice-governador Eduardo Pinho Moreira tinha uma expectativa melhor para o PMDB. Mas elegeu 98 prefeitos e continua sendo o maior partido do Estado. Contudo, perdeu feio em Criciúma, mesmo aliado ao PP; e em Tubarão, com a vitória de Joares Ponticelli (PP) sobre Carlos Stupp, do PSDB, apoiado pelo PMDB; e o revés de Ademir Matos, em Braço do Norte, derrotado por Roberto Marcelino(PSD), o Beto. Compensou emIçara, 25º colégio eleitoral, com a vitória de seu candidato Murialdo Gastaldon.

PMDB é o que mais elege prefeitos em SC, mas número é menor do que 2012
Presidentes dos principais partidos avaliam novo mapa partidário de SC

Acompanhe as publicações de Moacir Pereira

O presidente da Assembleia,Gelson Merisio, teve motivos para celebrar. Seus candidatos venceram em Xaxim, onde nasceu, em Xanxerê, onde iniciou carreira, e em Chapecó, onde tem residência e domicílio eleitoral, e estão no páreo nos três municípios onde tem segundo turno.

A lista completa de candidatos já eleitos em Santa Catarina

Em situação delicada ficou o  presidente estadual do PMDB, deputado Mauro Mariani. Saiu-se bem em Joinville, onde tem domicilio eleitoral, mas o PMDB não foi bem no Planalto Norte. Seus candidatos perderam em Canoinhas (elegeu-se Beto Passos, do PSD), Rio Negrinho (ganhou Júlio Ronconi, do PSB), Porto União (vitória de Eliseu Mibach, do PSDB) e São Bento do Sul (venceu Magno Bollmann, do PP).

Joinville: Udo Döhler e Darci de Matos disputam 2º turno

O PP, presidido pelo deputado Esperidião Amin, perdeu em Itajaí, mas conquistou Tubarão, além de manter 46 municípios. E vai disputar o segundo turno em Florianópolis.

Gean Loureiro e Angela Amin farão 2º turno na Capital

O senador Dário Berger (PMDB) foi ignorado por Gean Loureiro e seus candidatos sofreram derrotas em São José, Palhoça e Biguaçu.

Estes líderes partidários jogam agora todas as fichas no segundo turno em Florianópolis, Joinville e Blumenau.  

Leia as últimas notícias do Diário Catarinense    

 
 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaSenado adia sessão para esperar decisão do STF sobre afastamento de Renan Calheiros https://t.co/ykBgXcQeDVhá 39 minutosRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaAO VIVO: STF decide se mantém ou afasta Renan Calheiros da presidência do Senado https://t.co/iOIfkAQjbehá 1 horaRetweet
  •  
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros