Justiça suspende lei de Joinville sobre horário ampliado de bancos - Política - A Notícia

Versão mobile

 

Atendimento bancário28/11/2015 | 07h03

Justiça suspende lei de Joinville sobre horário ampliado de bancos

Atendimento externo com mais uma hora foi questionado por federação

Depois da lei de proibição do trem em horário de pico, agora é a vez da jornada ampliada dos bancos ser derrubada. O Tribunal de Justiça atendeu ao pedido da Federação Brasileira dos Bancos, a Febraban, e concedeu liminar suspendendo a aplicação da legislação. A alegação foi que a uma súmula do Superior Tribunal de Justiça aponta a fixação de horário bancário é de competência da União. Na decisão, o TJ fez a ressalva de que a discussão não está esgotada e agora será analisado o mérito. Criada no final do ano passado por meio de projeto do vereador Jaime Evaristo (PSC), a lei passou a vigor plenamente em março, quando se encerrou o prazo para adaptação dos bancos, com o atendimento externo iniciando uma hora antes, às 10 horas, com fechamento das portas às 16h. Agora, os bancos de Joinville estão autorizados a retornar ao horário antigo, às 11 horas.

A NOTÍCIA

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaAlpinista expõe fotos captadas nas maiores montanhas do mundo em Jaraguá do Sul https://t.co/t2MFzRQNY3 #LeianoANhá 3 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaCurtas-metragens internacionais serão exibidos no Museu de Arte de Joinville e CEU do Aventureiro https://t.co/X7WnuH0lMm #LeianoANhá 3 horas Retweet
A Notícia
Busca