Reforma de espaços culturais e esportivos é destaque no primeiro ano de Udo - Política - A Notícia

Vers?o mobile

 
 

Promessômetro28/06/2013 | 16h41Atualizada em 03/01/2014 | 15h10

Reforma de espaços culturais e esportivos é destaque no primeiro ano de Udo

Com contenção no caixa, ações na área de esporte, lazer e cultura avançam a passos lentos

Reforma de espaços culturais e esportivos é destaque no primeiro ano de Udo Maiara Bersch/Agencia RBS
Foto: Maiara Bersch / Agencia RBS

As reformas de espaços de cultura e museus de Joinville, além da reformulação do Simdec foram os principais avanços do governo Udo em seu primeiro ano de mandato. Além disso, o ginásio Abel Schulz foi reformado e a biblioteca municipal voltou para sua antiga casa depois de três anos.

No entanto, apesar de estar em busca de recursos para fazer obras na Arena Joinville, temas importantes para a cultura, como a reforma de museus e a diminuição dos recursos do Simdec viraram polêmicas em seu governo.

Veja abaixo como está o andamento dos projetos para estas áreas: 

Construção de um teatro municipal com mil lugares, em um bairro.
O que diz a Prefeitura: está no plano, mas ainda não há discussões sobre a sua construção. A ideia é que seja na Expoville, mesmo com o consórcio com a Viseu-Caex, em um terreno atrás do centro de convenções. Construir um teatro no estacionamento do Centreventos Cau Hansen ou adaptá-lo para tornar-se o teatro municipal estão fora de cogitação.

Conclusão da Arena Joinville.
O que diz a Prefeitura:
O novo projeto para 25 mil lugares, todos com cadeiras, onde se enquadrada no padrão FIFA e cobertura com estruturada metálica foi levada para o Ministério do Esporte, onde está em avaliação.

Reestruturar o Museu da Indústria, tornando-o interativo e itinerante nos bairros da cidade.
O que diz a Prefeitura: em análise.

Reforma do Centreventos Cau Hansen, concluindo a execução do projeto original.
O que diz a Prefeitura: em janeiro, foi produzido um dossiê com o levantamento de tudo o que precisa ser recuperado na estrutura. Uma emenda parlamentar de R$ 3 milhões vai garantir a climatização total do prédio. A conclusão do projeto original, no entanto, ainda não tem prazo para ser começada.

Implantação do Plano Municipal de Cultura.
O que diz a prefeitura: O PMC está sendo implementado. Trata-se de um planejamento para ser cumprido até 2022. Estão sendo priorizadas as ações de curto e médio prazo, sem descuidar das demais. Todas as ações realizadas ou em andamento na Fundação Cultural têm por princípio a observância e o alinhamento com o PMC . A FCJ estimula e participa de todas as instâncias participativas da gestão da cultura: comissões, fóruns, conselhos e conferências, além de manter ativos inúmeros GTs mistos para tratar assuntos específicos.
Contraponto: as 29 metas presentes no PMC são frágeis e boa parte ainda não foi implantada. Os fóruns e conferências para discuti-lo, no entanto, estão ocorrendo com frequência.

Melhora das estruturas físicas do Museu Casa Fritz Alt, Casa da Cultura, Museu Arqueológico do Sambaqui, Biblioteca Municipal e Museu de Arte de Joinville.
O que diz a prefeitura: A Casa da Cultura Fausto Rocha Júnior foi entregue, não apenas com a reforma inicialmente planejada, mas com novas intervenções que se fizeram necessárias, como troca do telhado, adequação de todas as portas para acessibilidade, troca de pisos, ajardinamento, comunicação visual, piso flutuante para ballet e teatro, isolamento acústico das salas de teatro, entre outros; o Museu de Arte de Joinville está em obra, com previsão de conclusão em março de 2014; as obras no Museu Nacional estão com licitação em andamento e o museu Casa Fritz Alt em fase orçamentária. O Museu de Sambaqui reabriu seu espaço expositivo à visitação e entra em obra em janeiro para que os setores administrativo, laboratórios e de reserva técnica também possam ser reativados. A Biblioteca Pública também foi reinaugurada em novembro.

O Complexo Cultural Antarctica receberá exclusivamente instalações destinadas à cultura - galerias de arte, cinemas e museus.
O que diz a prefeitura: A reocupação da Cidadela Antártica depende da realocação do ITTRAN para o prédio da antiga prefeitura, que também será ocupado pela guarda municipal. Assim, em 2014 teremos o cumprimento dessa meta em sua inteireza, abrigando espaço para dança, cinema e artes populares, que se somam aos já existentes, que atende ao teatro e às artes plásticas. O local também deve atender a uma antiga reivindicação do setor cultural por ambientes de convivência como café e/ou choperia.
No local, há a previsão da construção do Museu de Arte Contemporânea Luiz Henrique Schwanke, que está em fase final de análise do orçamento total para as obras.

Fortalecimento do Sistema Municipal de Cultura (Simdec)
O que diz a Prefeitura:
O fortalecimento do SIMDEC é uma política que vai muito além da provisão de recursos. Passa, primeiramente, pelo entendimento de que é um “sistema de desenvolvimento pela cultura”, o que implica incluir como escopo não apenas a classe artística, mas a sociedade como um todo, fazendo com que eventos e produtos culturais encontrem e ampliem seu público. O esforço da FCJ no fortalecimento do SIMDEC passa também pelo aprimoramento do mecanismo para que se torne mais justo e acessível, mas também para garantir o cumprimento de todos os seus aspectos legais. Por fim, um Simdec foi fortalecido requer a veiculação com o Plano Municipal de Cultura e o aprofundamento dos mecanismos de reflexão e controle com efetiva participação da sociedade, o que vem sendo contemplado desde janeiro de 2013.

Construção de praças de quadras poliesportivas de areia, pistas de skate, de caminhada e de palco de eventos.
O que diz a Prefeitura: Há projetos cadastrados no Governo Federal para a implantação de até 3 Centros de Iniciação ao Esporte (CIE's), que contempla ginásio de esporte e quadras poliesportivas, em Joinville.
O primeiro CIE foi garantido no dia 10 de dezembro, em Brasília, com a liberação de R$ 3,1 milhões pelo Ministério do Esporte para sua construção.
Será construído em 2014, na rua Nossa Senhora de Belém, no bairro Santa Catarina. Terá um ginásio coberto e uma quadra poliesportiva descoberta. O local poderá atender até 2.500 crianças por semana. Haverá uma quadra de futsal, voleibol, handebol e basquete, mas o foco serão os esportes olímpicos. A contrapartida da Prefeitura será o terreno de 3.500 metros quadrados. Os R$ 3,1 milhões do Ministério do Esporte serão depositados depois do dia 28 de abril de 2014, prazo que a Felej tem para apresentar o projeto arquitetônico do espaço.
Para os outros dois CIE’s, o cadastro dos projetos continua no Ministério do Esporte.

Reforma e modernização dos ginásios Abel Schulz e Ivan Rodrigues.
O que diz a Prefeitura: foi feito um mutirão de limpeza nos dois ginásios e há projeto cadastrado no Ministério dos Esportes em busca de recursos para o ginásio Ivan Rodrigues.A reforma do Ginásio Abel Schulz foi iniciada, mas por conta de um aditivo para a acessibilidade a obra completa ficou para ser entregue em março ou abril de 2014.

Incentivar os programas desenvolvidos pelas igrejas e entidades de voluntários, que atuam contra a dependência química.
O que diz a Prefeitura: em andamento.
Contraponto: a Prefeitura de Joinville realizou reuniões com grupos de igrejas e voluntários, mas ainda não fomentou nenhum programa definitivo. A criação de uma gerência de combate às drogas, na Secretaria de Defesa Civil, abriu o canal para conversas, mas ainda falta ação definitiva.

Ativação do parque Rolf Colin.
O que diz a Prefeitura:
em análise
Contraponto: o prefeito e sua equipe viram a impossibilidade de efetivar o parque Rolf Colin no lugar pré-determinado. Haveria problemas com o solo que dificultariam a visitação. Por isso, planeja fazer o parque em uma área próxima ao parque, mas para isso, irá precisar desapropriar a área, o que custará uma soma de dinheiro que ainda não teve sua fonte de financiamento conhecido. Ainda não há previsão para que o parque vire realidade.

Recuperação dos parques da Caieira e do Morro do Finder.
O que diz a Prefeitura:
parque Caieiras será remodelado com assinatura no mês de junho da ordem de serviço pelo financiamento do Fonplata.
Contraponto: até o fim do ano, o parque Caieiras deve ter sua remodelação completa, enquanto o parque do Morro do Finder ainda aguarda o edital de licitação para a realização das reformas, o que deve ocorrer até o fim do ano.

Construção de um ginásio de esportes exclusivo para as modalidades de alto rendimento.
O que diz a Prefeitura:
A construção de um Centro de Excelência para desporto de alto rendimento depende da aprovação do Ministério do Esporte, onde o projeto está cadastrado.

A NOTÍCIA

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaCuca de menta é uma das finalistas do Festival de Cucas https://t.co/euEHBJiK5chá 7 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaCentenas de pessoas participam de ato a favor do presidente Jair Bolsonaro em Joinville https://t.co/Xpr0EmU3G1há 9 horas Retweet
A Notícia
Busca