China e EUA discutem calendário para negociações comerciais - A Notícia

Vers?o mobile

 
 

Pequim11/12/2018 | 01h35

China e EUA discutem calendário para negociações comerciais

AFP
AFP

Negociadores chineses e americanos debateram nesta terça-feira, por teleconferência, um calendário de conversações visando acabar com seu conflito comercial, informou o ministério chinês do Comércio.

O vice-premier chinês, Liu He, conversou com o secretário americano do Tesouro, Steven Mnuchin, e com o representante para o Comércio, Robert Lighthizer, sobre "a implementação do consenso" ao qual chegaram os presidentes dos dois países, Xi Jinping e Donald Trump, em seu encontro no dia 30 de novembro, em Buenos Aires, à margem do G20, precisou o ministério.

Durante a conversa, os dois presidentes acertaram um prazo de 90 dias, até 1º de março, para se obter um acordo antes que Washington execute sua ameaça de aumentar as tarifas já impostas sobre importações chinesas totalizando 200 bilhões de dólares.

Em um breve comunicado, Pequim revela que Liu e seus interlocutores debateram sobre "o calendário das próximas consultas econômicas e comerciais", sem precisar quando ou onde acontecerão.

A nota também não diz se os negociadores abordarão a questão da Huawei, que voltou a gerar tensão entre os dois países após a prisão, no Canadá, de uma alta executiva do grupo chines.

Meng Wanzhou, diretora de finanças da Huawei, foi acusada de fraude relacionada a supostas violações de sanções dos Estados Unidos contra o Irã e aguada a decisão do tribunal canadense sobre a fiança.

Ela foi detida em Vancouver no dia 1º de dezembro para uma possível extradição quando trocava de avião durante uma viagem de Hong Kong para o México.

* AFP

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaMinistro do STF derruba autorização de viagem de senador condenado ao Caribe https://t.co/iEsx0WVM1Dhá 1 horaRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaBrasil alcança marca de 100 milhões de eleitores com cadastramento biométrico https://t.co/V3dnYJZCQwhá 1 horaRetweet

Mais sobre

A Notícia
Busca