Versão mobile

Coletivo foi mais rápido26/04/2012 | 16h37

Chuva e difícil acesso complicaram o retorno para casa após show de Paul McCartney

Ônibus para levar o público aos bolsões de estacionamento tiveram prioridade na saída

Enviar para um amigo
Chuva e difícil acesso complicaram o retorno para casa após show de Paul McCartney Júlio Cavalheiro/Agência RBS
Congestionamento lembrou dias de jogo na Ressacada Foto: Júlio Cavalheiro / Agência RBS

Se a chegada ao show foi tranquila, rápida, sem transtornos de trânsito, o retorno para casa após o show de Paul McCartney foi tenso para boa parte do público. A partir da 0h30min (10 minutos após o fim do show), o trânsito ficou lento no Sul da Ilha.

De acordo com a Polícia Militar Rodoviária (PMRv), a situação ficou complicada no Bairro Costeira do Pirajubaé e na Via Expressa Sul, no trecho onde estavam localizados os bolsões de estacionamento.

Entre a Ressacada e o Aeroporto Hercílio Luz, o trânsito parou por uma hora e meia. Os motoristas tiveram que desligar o carro para esperar a liberação das pistas. Isso aconteceu porque os ônibus que deixavam a Ressacada para levar o público aos bolsões de estacionamento tiveram prioridade na saída.

Reclamação nas redes sociais

Pelo Twitter e pelo Facebook, os fãs reclamaram e relataram ter chegado em casa só perto das 3h. Mas alguns fatores colaboraram para a dificuldade de saída no local. De acordo com o subcomandante-geral e supervisor da operação, coronel Valdemir Cabral, a chuva foi um complicador após o término do espetáculo.

— Diferentemente da chegada, quando os fãs dirigiram-se fracionadamente ao longo do dia até o estádio, nesta fase de retorno, a intenção de todos foi de deixar a Ressacada ao mesmo tempo - e pela única via que liga o estádio até a Sul e Centro da Capital. Mas com paciência e compreensão de todos, a situação foi restabelecida conforme o previsto — disse o coronel, em nota publicada no portal da Polícia Militar.

O congestionamento lembrou os dias de jogo na Ressacada, quando o trânsito para por ali com um público muitas vezes bem menor, de cerca de 4 mil pessoas. A organização do evento contou com 100 ônibus no deslocamento do público e 528 policiais militares trabalharam na operação. Outro complicador foi o fato de algumas pessoas furarem a fila para pegar o coletivo.

Apesar do transtorno, quem escolheu esse transporte conseguiu sair mais rápido do que aqueles que foram de carro e ficaram presos no entorno da Ressacada. Para estes, o trânsito só liberou mesmo por volta de 2h20min. Apenas quatro ocorrências, desobediência, perturbação do sossego, ameaça e porte de drogas, foram registradas pela PM.

Notícias Relacionadas

Euforia e emoção 26/04/2012 | 14h27

Fez parte do apoteótico show de Paul McCartney? Mande sua foto para o DC

Faça parte da galeria de fotos de fãs no site especial do beatle

Trânsito 26/04/2012 | 02h15

Após show de Paul McCartney em Florianópolis, fãs enfrentam trânsito lento na volta para casa

Filas ficaram mais lentas na Costeira do Pirajubaé e Via Expressa Sul

Final feliz 26/04/2012 | 00h44

Paul McCartney diz "até a próxima" e deixa Floripa com 30 mil fãs satisfeitos

Experiente, Sir Macca conduziu o público como um verdadeiro maestro na Ressacada

Manezês 26/04/2012 | 00h01

"Vamos, istepôs", diz Paul ao encerrar primeira parte do show em Floripa

Beatle mandou sequência de arrepiar com Let it Be, Live and Let Die e Hey Jude

Conquistando o público 25/04/2012 | 21h52

"Olá, manezinhos. Oi, oi, oi, Floripa", diz Paul McCartney em show na Ressacada

Beatle falou mais em português do que em inglês diante do público de 30 mil pessoas

Obrigado Sir Macca 25/04/2012 | 21h34

Em noite histórica para Florianópolis, Paul McCartney abre show com Magical Mystery Tour

Primeiros acordes quase não foram ouvidos tamanha vibração do público na Ressacada

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaCasa de policial é alvo de ataque em São Francisco do Sul http://t.co/cQKcHphgGQhá 7 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaBase da Polícia Militar é alvejada na zona Sul de Joinville http://t.co/OQ8Lr7VYRbhá 9 horas Retweet
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros