Versão mobile

23/11/2010 | 09h02

Definido horário de Natal em Joinville

Lojas vão ficar abertas por mais tempo a partir da próxima segunda

Enviar para um amigo
Definido horário de Natal em Joinville Cleber Gomes/
Papai Noel já pode se preparar para ir às compras em Joinville Foto: Cleber Gomes

Papai Noel já pode se preparar para ir às compras em Joinville. A partir da próxima segunda, o comércio do município deve começar a atender com horário estendido. O Sindicato do Comércio Varejista de Joinville (Sindivarejista) apresentou ontem a proposta de horário.

A divulgação foi feita sem um acordo com o Sindicato dos Empregados no Comércio de Joinville e Região (SECJ), algo inédito na história de negociações entre as entidades, diz o presidente do sindicato patronal, Osnildo de Souza.

— Este é um ano atípico, no qual ainda não foi assinada a convenção coletiva de trabalho. Por isso, sugerimos um horário aos lojistas baseado nas discussões que já tivemos anteriormente com o sindicato laboral. Cada comerciante tem a possibilidade de seguir a sugestão, desde que cumpra as leis trabalhistas —, afirma.

Souza voltou a afirmar que a definição do horário não depende do acordo e disse que os esforços para assinar a convenção continuam. Ainda hoje, o sindicato patronal deve protocolar uma sugestão de acordo no sindicato dos comerciários.

— Fizemos uma reunião de diretoria e avaliamos a proposta encaminhada pelo SECJ na semana passada. Decidimos não assinar o documento, pois acreditamos que a entidade que representa os trabalhadores quer criar fatos novos para tentar derrubar a liminar que nos favoreceu em relação a taxa contributiva. Aceitamos assinar a convenção enviada anteriormente, que foi debatida entre os sindicatos, desde que não inclua a taxa —, acrescenta.

Nesta terça-feira, Osnildo de Souza vai apresentar os horários especiais de Natal aos lojistas, na última plenária do ano da Câmara de Dirigentes Lojistas de Joinville (CDL). O presidente, José Raulino Esbiteskoski, que tentou intermediar as negociações, preferiu não se manifestar antes da apresentação.

O presidente do sindicato dos comerciários, Waldemar Schulz, o Mazinho, lamentou o horário, que chamou de unilateral e disse que a decisão beneficiou só grandes lojistas e as lojas dos shoppings.

Nunca o horário de Natal começou em novembro. Nunca se trabalhou até as 17 horas no dia 24. Este é horário de explorador. Trabalhador de shopping também é comerciário. Vamos decidir junto à diretoria o que pode ser feito, mas não concordamos com o horário —, argumentou.

Confira o horário de Natal

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A Notícia"Não mandei parar o jogo", garante o delegado de JEC x Portuguesa: http://t.co/3rHak4lErXhá 3 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaSemana começa nublada e com temperaturas em elevação em SC: http://t.co/BOcpKZhgMPhá 4 horas Retweet
clicRBS
Nova busca - outros