Ressaca destrói estrada e isola comunidade em Garopaba, no Sul de Santa Catarina - A Notícia

Versão mobile

06/06/2010 | 22h51

Ressaca destrói estrada e isola comunidade em Garopaba, no Sul de Santa Catarina

Somente pedestres, motos e bicicletas conseguem ter acesso à Praia do Silveira

O mar agitado dos últimos dias danificou a estrada de acesso à Praia do Silveira, em Garopaba, no Sul de Santa Catarina, e deixou parcialmente isoladas dezenas de famílias daquela comunidade. A ressaca fez desmoronar quase toda a pista e só pedestres, motos e bicicletas conseguem passar pelo local.

A força das ondas começou a causar estragos no início do mês. Na quarta-feira, a ressaca já havia desmoronado mais da metade da estrada em uma extensão de mais de 50 metros. Neste final de semana, carros e caminhões já não conseguiam passar pelo local.

De acordo com o empresário Ricardo Sefton, que vive naquela região, muitos moradores projetaram que essa situação pudesse ocorrer e tomaram algumas medidas a fim de não ficarem totalmente isolados.

— Deixamos os carros estacionados na outra ponta da estrada. Assim, conseguimos sair para trabalhar e cumprir demais compromissos. Mas quem não fez isso, só sai de casa a pé, moto ou bicicleta — conta o empresário.

Neste domingo, a ressaca ainda era forte em Garopaba. A prefeitura deve iniciar na segunda-feira um planejamento para realizar, de forma emergencial, a recuperação da estrada de acesso à Praia do Silveira.

Conforme a Defesa Civil de Florianópolis, não foram registradas ocorrências mais graves em decorrência de ressaca na Capital neste final de semana.

— Ainda estamos em alerta nos próximos dias porque a ressaca continua, embora não tenha causado danos graves nesse final de semana — afirmou ontem o Major Márcio Luiz Alves, técnico da Defesa Civil.

Na Praia da Armação, no Sul da Ilha de Santa Catarina, um dos locais mais afetados pela ressaca no Estado, o trabalho de construção de um muro de pedras para conter o avanço do mar continua. A contenção, com um quilômetro e meio de extensão, deve controlar o problema até que um solução definitiva seja colocada em prática.

Onde fica



Visualizar Praia do Silveira em um mapa maior

Notícias Relacionadas

03/06/2010 | 12h15

Ressaca é provocada por fenômeno natural e pela ação do homem, segundo estudioso

Avanço da água já trouxe prejuízos a quatro praias de Florianópolis

02/06/2010 | 15h14

Ressaca destrói muros e ameaça casas no Campeche, em Florianópolis

Coordenador da Defesa Civil diz que mais muros podem ceder no local

01/06/2010 | 12h36

Ossadas de baleia franca aparecem em praia de Garopaba após ressaca

Cerca de 10 cabeças, várias vértebras e costelas ficaram expostas após o fenômeno

01/06/2010 | 11h03

Rancho de pescadores é destruído pela ressaca em Florianópolis

Construção na praia do Moçambique foi levada pelo mar

 
 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaVítima de explosão em geminado em Joinville precisa urgente de doação de sangue https://t.co/JqQ4U7iUXe #LeianoANhá 22 minutosRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaEmpresas de Joinville apostam em tecnologias inteligentes na produção  https://t.co/HtnOCX3tJW #LeianoANhá 24 minutosRetweet
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros