Versão mobile

19/04/2008 | 13h55

Um parque para Joinville

Por que uma cidade de natureza tão privilegiada não tem um espaço de convivência? E por que já está mais que na hora de ter um

Um parque para Joinville Pablo Mayer/clicRBS
A Notícia e grupo RBS em Joinville lançam campanha por uma área completa de lazer na cidade Foto: Pablo Mayer / clicRBS

Difícil de acreditar. Uma cidade com lugares lindos e natureza exuberante não tem um parque. E não é qualquer cidade. Joinville, a mais populosa do Estado, com meio milhão de habitantes. A maior geradora de empregos de Santa Catarina, com PIB (produto interno bruto) anual na casa dos R$ 10 bilhões. Com grandes áreas verdes, mas sem a infra-estrutura ideal para um espaço privilegiado de convivência.

Por conta desse cenário, os veículos do grupo RBS ("A Notícia", Rádio Atlântida, Itapema FM, Hagah e RBSTV Joinville) lançam neste domingo a bandeira comunitária "Um parque para Joinville". Esta reportagem dá a largada à campanha para que a cidade ganhe uma grande e completa área de lazer para as famílias e pessoas de todas as idades.

Pesquisa feita pelo Instituto de Planejamento Urbano de Joinville (Ippuj) com 22 mil joinvilenses para a elaboração do Plano Diretor do município mostrou a força do desejo por um parque. A grande área de lazer foi o terceiro item mais pedido no levantamento. Ficou atrás apenas de saúde em educação.

Editorial de "A Notícia" de 26 de junho de 2000 já alertava para esta carência dos moradores. São pessoas como a mãe Abigail do Rosário. Com 57 filhos biológicos e adotivos, ela quer uma área para passear com seus filhos.

— Simplesmente não temos onde ir — diz.

Nesta campanha, a população será super importante. Terá voz e vez para opinar e sugerir sobre o que quer de um parque. Basta entrar em www.an.com.br e responder a série de perguntas.

Essa participação da comunidade atende aos conceitos mais modernos do planeta.

— Um parque tem de começar da vontade das pessoas, de suas expectativas. Não há arquiteto no mundo que consiga fazer isso sozinho, por mais belo e completo que o projeto seja — diz o professor da UFSC Lino Fernandes Bragança Perez, doutor em urbanismo pela Universidade Nacional Autônoma do México.

O diretor geral de "A Notícia", Luiz Cardoso, ressalta que a campanha quer estimular o debate sobre o assunto.

— A comunidade se manifesta muito por meio do jornal, e das próprias pesquisas.

Segundo ele, os veículos do grupo RBS no Norte de SC acompanharão o andamento e cobrarão as autoridades. Luiz Cardoso que "Um parque para Joinville" é mais uma bandeira comunitária do grupo RBS. Como foi a campanha do "bicho papão" contra a violência infantil, e o auxílio aos Bombeiros Voluntários de Joinville.

— São assuntos relevantes que têm tratamento editorial diferenciado — destaca.

Nos próximos dias, reportagens na edição impressa e na internet mostrarão por que um parque é importante para a qualidade de vida uma cidade. Especialistas em urbanismo darão sugestões para a cidade. E exemplos de belos parques em cidades próximas, como Blumenau e Jaraguá do Sul, mostrarão que a idéia é viável e importante.

Confira a reportagem completa na edição de domingo de A Notícia.

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaBombeiros retomam buscas por garoto desaparecido em rio de Balneário Camboriú http://t.co/K4A95YRZYA http://t.co/G4dr85jpxjhá 1 horaRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaQuinta-feira é de sol e temperaturas de até 30°C em Santa Catarina http://t.co/loT0rVorE9há 2 horas Retweet
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros