Descobertas ruínas das primeiras fortificações de Quebec - Mundo - A Notícia

Versão mobile

 

Montreal06/11/2018 | 19h51

Descobertas ruínas das primeiras fortificações de Quebec

AFP
AFP

As ruínas das primeiras fortificações da cidade canadense de Quebec, edificadas pelos colonos franceses em 1693, acabam de ser descobertas em um estado de conservação excepcional, anunciou nesta terça-feira (6) o responsável de uma equipe de arqueólogos locais.

Tratam-se das "fundações da muralha paliçada de Beaucours" que fazem parte das "primeiras fortificações de Quebec", disse Jean-Yves Pintal, chefe da equipe de arqueólogos que descobriu a estrutura, de cerca de 20 metros, durante os trabalhos anteriores à construção de residências no bairro histórico da cidade.

"Para nós, esta aventura começou muito humildemente; descobrimos uma pequena peça de madeira cravada muito profundamente em solo escuro. A partir disso, sacamos nossas pás e começamos a escavar o solo muito suavemente, e percebemos que estávamos diante de um enorme vestígio muito bem conservado", disse Pintal.

As ruínas são parte de um recinto construído segundo os planos do engenheiro militar francês Josué Dubois Berthelot de Beaucours, entre 1693 e 1694, para substituir um sistema temporário edificado em 1690, que servia para defender a cidade de possíveis ataques de artilharia inglesa.

Construídas por 500 militares e habitantes de Quebec, essas fortificações consistiam em "uma estrutura de madeira feita de pedaços maciços de cedro cortado com machados", detalhou Pintal.

"Esta é uma grande descoberta para a cidade de Quebec, e também para toda Quebec", declarou François Legault, primeiro-ministro desta província francófona, ao destacar o estado "excepcional" de conservação da estrutura que foi enterrada em argila.

* AFP

 
A Notícia
Busca