Turbinas eólicas contribuem para mudanças climáticas, diz estudo - Mundo - A Notícia

Versão mobile

 

Washington04/10/2018 | 21h34

Turbinas eólicas contribuem para mudanças climáticas, diz estudo

AFP
AFP

As turbinas eólicas, concebidas como uma alternativa aos combustíveis fósseis, contribuem para as mudanças climáticas devido à maneira como elas redistribuem o calor e a umidade na atmosfera, revela um estudo publicado nesta quinta-feira.

Pesquisadores da Universidade de Harvard descobriram que fornecer energia eólica para todo os Estados Unidos causaria um aumento de 0,54 grau Celsius na temperatura do solo na área onde as turbinas estão localizadas, e um aumento de 0,24ºC nos Estados Unidos continental.

"O vento supera o carvão em qualquer medida ambiental, mas isso não significa que seus impactos sejam insignificantes", disse David Keith, professor de engenharia e de políticas públicas e autor sênior do estudo, publicado pela revista Joule.

Em comparação, a temperatura média global subiu aproximadamente um grau desde o final do século XIX.

Sob o acordo climático de Paris, os países se comprometeram a limitar os aumentos de temperatura a entre 1,5ºC e 2ºC, para evitar graves consequências ambientais.

Estudos anteriores também examinaram o impacto das turbinas eólicas na mudança climática. Um estudo recente, publicado na revista Science, concluiu que cobrir uma área do deserto do Saara com turbinas eólicas afetaria a temperatura local, as chuvas e, por sua vez, a vegetação.

Os pesquisadores de Harvard disseram que a instalação de painéis solares teria um impacto cerca de 10 vezes menor do que as turbinas eólicas para a mesma taxa de geração de energia.

"Os impactos climáticos diretos da energia eólica são instantâneos, enquanto os benefícios se acumulam lentamente", disse Keith.

"Se a sua perspectiva são os próximos 10 anos, a energia eólica realmente tem - em alguns aspectos - mais impacto climático do que o carvão ou o gás. Se a sua perspectiva são os próximos mil anos, então a energia eólica é enormemente mais limpa que o carvão ou o gás".

* AFP

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaAcusado de esfaquear a mulher em frente ao filho de dois anos vai à júri popular em Joinville https://t.co/jqxdMRHicK #LeianoANhá 53 segundosRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaAcusado de esfaquear a mulher em frente ao filho de dois anos vai à júri popular em Joinville https://t.co/lD9jcT44pR #LeianoANhá 12 minutosRetweet
A Notícia
Busca