Ex-diretor do FMI Rodrigo Rato condenado 4 e meio anos de prisão - Mundo - A Notícia

Versão mobile

 

Madri03/10/2018 | 09h59

Ex-diretor do FMI Rodrigo Rato condenado 4 e meio anos de prisão

AFP
AFP

O Supremo Tribunal espanhol confirmou nesta quarta-feira a pena de 4 anos e meio de prisão imposta por desvio de verbas contra Rodrigo Rato, ex-diretor do FMI e ex-ministro da Economia.

Rato foi condenado por um delito de apropriação indevida por pagar despesas pessoais com cartões colocados a sua disposição quando era diretor do 'Caja Madrid' e Bankia, em um período no qual os dois bancos passavam por dificuldades.

Como diretor do entidade Bankia, ele cobria despesas pessoais com estes cartões, que decidiu usar sem declarar nada à administração fiscal.

* AFP

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaJEC praticamente definido para jogo em Jaraguá, contra o Blumenau https://t.co/0CIyxNLX0Z #LeianoANhá 6 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaHomem teria sido morto por engano, aponta investigação da Polícia Civil de Joinville https://t.co/dqeUgtUCtn #LeianoANhá 6 horas Retweet

Mais sobre

A Notícia
Busca