Erdogan promete rebater ameaças dos EUA sobre pastor detido - Mundo - A Notícia

Versão mobile

 

Istambul11/08/2018 | 11h01

Erdogan promete rebater ameaças dos EUA sobre pastor detido

AFP
AFP

O presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, prometeu neste sábado (11) que responderá às "ameaças" dos Estados Unidos em relação ao pastor americano detido na Turquia, no momento em que aumenta a tensão entre esses dois aliados da Otan, e a lira despenca frente ao dólar.

"É ruim se atrever a pôr a Turquia de joelhos com ameaças relativas a um pastor", declarou o presidente turco, em Unye, às margens do mar Negro.

"Que vergonha! Que vergonha! Trocam seu sócio estratégico da Otan por um religioso", acrescentou.

Na sexta-feira, o presidente americano, Donald Trump, anunciou que duplicava as tarifas impostas ao aço e ao alumínio turcos, agravando a pressão sobre a economia do país.

Ontem, a lira turca atingiu uma desvalorização de 16% em relação ao dólar.

A Turquia mantém relações tensas com os Estados Unidos, envenenadas ainda mais pela detenção, nos últimos dois anos, do pastor Andrew Brunson, além de outras divergências.

"Se eles têm o dólar, nós temos Alá", lançou Recep Tayyip Erdogan, convidando os turcos a não se preocuparem com a alta da moeda americana.

Sobre o caso do pastor Brunson, o presidente garantiu que "não fizemos, até agora, concessões em matéria de justiça e nunca vamos fazê-las".

A Casa Branca anunciou que as novas sanções à Turquia entram em vigor em 13 de agosto.

* AFP

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaÍcone do blues fará show gratuito nesta terça-feira em Joinville https://t.co/ZbViJGLzaB #LeianoANhá 2 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaConfira o obituário de 12, 13, 14 e 15 de outubro de 2018 https://t.co/w00Q4GLn6A #LeianoANhá 6 horas Retweet

Mais sobre

A Notícia
Busca