França cria unidade de acompanhamento de de terroristas detidos - Mundo - A Notícia

Versão mobile

 

Levallois-Perret13/07/2018 | 09h43

França cria unidade de acompanhamento de de terroristas detidos

AFP
AFP

O primeiro-ministro francês Édouard Philippe anunciou nesta sexta-feira a criação de uma "célula específica" de acompanhamento para os terrorista detidos ou radicalizados que deixem a prisão, uma nova medida destinada à luta antiterrorista na França.

Cerca de 450 presos terroristas ou radicalizados sairão em liberdade no final de 2019, explicou Philippe, durante um discurso na sede da Direção Geral de Segurança Interna (DGSI).

Esta "célula específica" fará parte da Unidade de Coordenação da Luta Antiterrorista (UCLAT) e reforçará os serviços de informação nas prisões.

O premier francês também anunciou que será reforçado o acompanhamento de pessoas sob controle judicial e ratificou a vontade de seu executivo de criar uma Procuradoria Nacional Antiterrorismo, uma medida criticada por muitos juízes.

Depois dos atentados de janeiro e novembro de 2015, a França vive sob a ameaça do terrorismo jihadista, que provocou a morte de 246 pessoas durante os últimos três anos.

* AFP

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaContinua a busca por jovem desaparecido após queda de jet ski em Joinville https://t.co/meDtii51hf #LeianoANhá 3 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaSuspeito de matar homem é preso em Itapoá, no Litoral Norte de SC https://t.co/LI9yFt8Uir #LeianoANhá 5 horas Retweet

Mais sobre

A Notícia
Busca