Presidente chinês pede aos militares lealdade à nova Constituição - Mundo - A Notícia

Versão mobile

 

Pequim12/03/2018 | 15h14

Presidente chinês pede aos militares lealdade à nova Constituição

AFP
AFP

Um dia depois de obter caminho livre para governar pelo resto da vida, o presidente chinês Xi Jinping pediu às Forças Armadas do país que sejam leais à nova Constituição reformada na qual está inserido agora seu pensamento político.

"Todo o exército deve fortalecer sua consciência constitucional, promover o espírito constitucional e ser um admirador leal, um seguidor escrupuloso e um defensor da Constituição", disse Xi a oficiais das Forças Armadas na segunda-feira (12).

A Assembleia Nacional Popular (ANP) da China aprovou no domingo a iniciativa de Xi, de 64 anos, para abolir o limite de mandatos presidenciais, estabelecido até então em 10 anos no poder.

A reforma também inclui a filosofia política do líder na Constituição: "O pensamento Xi Jinping sobre o socialismo com características chinesas para uma nova era".

Xi, que também é o chefe das Forças Armadas, fez essas declarações durante uma reunião do Exército de Liberação Popular e da polícia armada.

Diferente da maioria de países, o exército da China está permanentemente sob o controle do Partido Comunista e não do Estado.

No início do ano, o partido tomou também o controle das forças paramilitares em um novo movimento que, segundo analistas, poderia ser consequência da preocupação por um potencial uso da polícia para dar um golpe de Estado.

* AFP

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaPenitenciária de Joinville recebe reforço na segurança após ação criminosa https://t.co/lpDoC48YUt #LeianoANhá 2 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaGrupo armado tenta invadir Penitenciária de Joinville, em Santa Catarina https://t.co/8u5v1x5Q8H #LeianoANhá 2 horas Retweet

Mais sobre

A Notícia
Busca