Detido suposto responsável por desaparecimento de 43 estudantes no México - Mundo - A Notícia

Versão mobile

 

México12/03/2018 | 18h54

Detido suposto responsável por desaparecimento de 43 estudantes no México

AFP
AFP

Um homem suspeito de ter participação "decisiva" no desaparecimento de 43 estudantes de uma escola normal do México, em um caso que abalou o país em 2014, foi capturado pela polícia, informaram as autoridades.

O suspeito, identificado como Erick Uriel "N", "é apontado na investigação como um dos elementos de participação decisiva nos fatos contra os estudantes normalistas", disse à imprensa Gualberto Ramírez, responsável pelo setor anti-sequestro da procuradoria especializada em crime organizado.

O homem é acusado de integrar o cartel Guerreiros Unidos, apontado como o grupo responsável pelo desaparecimento e suposta execução dos estudantes.

Na noite de 26 de setembro de 2014, um grupo composto por 43 estudantes da escola normal rural de Ayotzinapa, no estado de Guerrero (sul), foi parado por policiais na cidade de Iguala, e supostamente entregue a membros do Guerreiros Unidos.

Segundo Ramírez, "nos momentos posteriores aos acontecimentos nas ruas de Iguala", o detido "teria mantido contato direto com os estudantes, que desde então estão desaparecidos".

As autoridades ofereciam um prêmio de 1,5 milhão de pesos (80.700 dólares) por informações que permitissem a captura de Erick Uriel "N", acusado de envolvimento com crime organizado e sequestro.

A investigação aponta que os 43 estudantes foram assassinados e tiveram seus corpos incinerados, mas especialistas independentes da Comissão Interamericana de Direitos Humanos questionam esta versão.

* AFP

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaJEC anuncia que não renovará com sete atletas para nova temporada https://t.co/kkq0Dz8USn #LeianoANhá 44 minutosRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaFiança paga por motorista pode ir para família de mulher atropelada em Joinville https://t.co/NYPqeIgR5H #LeianoANhá 53 minutosRetweet

Mais sobre

A Notícia
Busca