Deputado governo é preso na Guatemala por morte de jornalistas - Mundo - A Notícia

Versão mobile

 

Cidade da Guatemala13/01/2018 | 15h15

Deputado governo é preso na Guatemala por morte de jornalistas

AFP
AFP

A polícia da Guatemala prendeu, neste sábado, o deputado governista Julio Juárez, acusado de ter planejado o assassinato de dois jornalistas em 2015 no sul do país, segundo o Ministério Público.

Juárez, do partido de direita FCN-Nación, foi preso perto de sua casa no município de San Bernardino, departamento de Suchitepéquez, a 60 km da Cidade da Guatemala, disse à imprensa Yecenia Enríquez, porta-voz do MP.

Em dezembro, Juárez foi incluído em uma lista suja dos Estados Unidos de pessoas do mundo todo acusadas de abusos contra os direitos humanos e atos de corrupção.

"Existem indícios razoáveis para considerar que Juárez é o suposto autor intelectual da morte dos jornalistas" Danilo López, do jornal Prensa Libre, e Federico Salazar, da Radio Nuevo Mundo, disse a funcionária.

O crime aconteceu em 10 de março de 2015, na cidade de Mazatenango, perto do local da prisão.

Em 26 de janeiro de 2017, o deputado foi vinculado à morte dos jornalistas pelo MP e pela Comissão Internacional Contra a Impunidade na Guatemala (Cicig), entidade ligada à ONU.

Segundo a investigação, Juárez, que perdeu sua imunidade em novembro passado, teria encomendado o assassinato de López por discordâncias políticas que se agravaram com uma nota sobre dívidas fiscais do atual legislador publicada pelo repórter.

No ataque, Salazar acabou falecendo e o repórter Marvin Tunches ficou ferido.

Quatro membros da organização criminosa que planejou o homicídio estão presos, inclusive um dos dois assassinos que executaram o crime, enquanto outro é fugitivo.

* AFP

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaDivisão de Furtos e Roubos de Cargas cumpre apreensões em empresas do Norte de SC https://t.co/ePPT9Dm1LK #LeianoANhá 8 minutosRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaÔnibus apreendido pela Polícia Federal é doado para ações de turismo e cultura de Joinville https://t.co/0pJRA6hi21 #LeianoANhá 1 horaRetweet
A Notícia
Busca