Investigam ruído detectado no Atlântico após último contato com submarino - Mundo - A Notícia

Versão mobile

Buenos Aires22/11/2017 | 21h07

Investigam ruído detectado no Atlântico após último contato com submarino

AFP
AFP

A Marinha argentina informou nesta quarta-feira que investiga um ruído detectado no oceano Atlântico cerca de três horas após a última comunicação com o submarino desaparecido há sete dias.

"Foi informada como anomalia hidroacústica. Foi um ruído por volta das onze (12H00 Brasília) da manhã de quarta-feira (15 de novembro), quase três horas depois da última comunicação, 30 milhas ao norte de onde foi feito o contato e no caminho para Mar del Plata", revelou o porta-voz da Marinha, Enrique Balbi.

Consultado sobre se o ruído poderia ser uma explosão, o porta-voz respondeu que "não faz conjecturas" e que é "preciso confirmar e investigar" o ruído.

"Não vamos deixar isto (ruído) passar". Por volta das 23H00 local (22H00 Brasília) desta quarta-feira três navios argentinos chegarão à zona indicada para uma busca.

"Estamos em uma situação crítica e isto se agrava com a passagem das horas", admitiu Balbi em declarações à imprensa.

A última comunicação do submarino "ARA San Juan" ocorreu na quarta-feira passada e citava um problema nas baterias. No momento do contato navegava pelo Golfo San Jorge, 450 km da costa argentina.

O submarino zarpou no dia 11 de novembro de Ushuaia (3.200 km ao sul) para voltar a base de Mar del Plata (400 km ao sul).

* AFP

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaAdolescente de Joinville conquista quarta medalha de ouro em Olimpíada Brasileira de Matemática https://t.co/R8r4oAufIx #LeianoANhá 4 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaMais de 4.500 estudantes participaram do Programa Educacional de Resistência às Drogas em 2017 https://t.co/rNXGdhjhPa #LeianoANhá 4 horas Retweet
A Notícia
Busca