Guterres pede 'aumento da ambição' climática para o futuro - Mundo - A Notícia

Versão mobile

Nações Unidas10/11/2017 | 20h22

Guterres pede 'aumento da ambição' climática para o futuro

AFP
AFP

O secretário-geral da ONU, Antonio Guterres, disse nesta sexta-feira que o mundo precisa intensificar suas ações para limitar o impacto negativo do aquecimento global e "aumentar as ambições" climáticas para o futuro.

Antes de partir para Bonn, Alemanha, para participar da COP23, o secretário-geral da ONU afirmou, durante uma coletiva de imprensa, que defenderia várias áreas de ação ante os delegados da conferência.

"Precisamos acelerar a ação climática, e precisamos aumentar a ambição", disse Guterres.

A janela de oportunidade para atingir o objetivo limitar o aquecimento abaixo de 2ºC poderia se fechar em 20 anos ou menos, disse ele, acrescentando que é necessário que haja a redução de ao menos 25% adicionais nas emissões de gases de efeito estufa até 2020.

"Também devemos fazer mais para ajudar os países a enfrentarem as crises climáticas, especialmente os mais vulneráveis", disse.

No campo financeiro, é necessário reunir os 100 bilhões de dólares anuais previstos para os países em desenvolvimento.

"Isso é crucial para estimular a ação e criar confiança. Estamos longe de ter isso totalmente garantido".

"Devemos fazer mais" também em termos de associações, prosseguiu o secretário-geral, que elogiou a participação de atores em diferentes níveis, animados pela mesma preocupação de limitar o aquecimento global.

Guterres lembrou, ainda, que tem a intenção de convocar uma cúpula climática em setembro de 2019 "para mobilizar as energias políticas e econômicas nos mais altos níveis".

As negociações de Bonn continuarão até quarta-feira com os delegados de 197 Estados, e depois serão assumidas pelos líderes políticos - ministros, chefes de Estado e um diplomata, em representação dos Estados Unidos.

Antes de ir para Bonn, Guterres participará, no fim de semana, de uma cúpula da Associação de Nações do Sudeste Asiático (ASEAN), nas Filipinas.

Depois da Alemanha, viajará a Londres para um discurso dedicado à luta contra o terrorismo e aos direitos humanos.

* AFP

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaPM forma turma de mais de 100 soldados em Joinville https://t.co/xCYLIE5lPq #LeianoANhá 5 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaQuatro catarinenses estão no mesmo pote do sorteio dos jogos da Copa do Brasil https://t.co/RKjgNpLt1a #LeianoANhá 5 horas Retweet
A Notícia
Busca