Joinvilense fica horas isolado em igreja após atentado em Munique - Mundo - A Notícia

Vers?o mobile

 
 

Mundo22/07/2016 | 16h54Atualizada em 22/07/2016 | 20h31

Joinvilense fica horas isolado em igreja após atentado em Munique

Grupo de brasileiros está em segurança. Após tiroteio em shopping, polícia faz caçada a terroristas

Joinvilense fica horas isolado em igreja após atentado em Munique  Matthias Balk/dpa/AFP
Três homens armados em fuga deixaram ao menos seis mortos e vários feridos Foto: Matthias Balk / dpa/AFP

O joinvilense Tonio Tromm está em Munique nesta sexta-feira, onde faz parte de uma comitiva brasileira da igreja luterana, para participar de um evento religioso em Munique que vai até o dia 29.

No momento em que o grupo do Brasil estava indo para estação de metrô em direção ao evento, avistaram carros de polícia e helicópteros. Foi aí que souberam do atentado na região e foram instruídos pela polícia a retornarem para um local seguro. Neste momento, ele está em um grupo de aproximadamente 12 pessoas, alojados em uma igreja luterana de Munique. De dentro da igreja, conseguem ouvir a movimentação da polícia, principalmente dos helicópteros. Todos estão bem.

— Estamos isolados em uma igreja e não podemos sair. A ordem é não sair. A cidade está sitiada — contou Tonio durante a tarde.

— Nos instruíram a não ir às estações e não sairmos. Com certeza vamos ter que passar a noite aqui na igreja, complementou ainda durante o dia.

No fim do dia, o grupo saiu da igreja. Usando rotas alternativas, sem pegar vias principais. Eles caminharam até um hotel onde passariam a noite até poder voltar para Augsburg, onde estão hospedados.

A polícia evacuou um shopping center em Munique, na Alemanha, após o registro de que tiros foram disparados dentro do centro comercial OEZ (Olympia-Einkaufszentrum), próximo ao Parque Olímpico da cidade. Ainda não se sabe o número exato de feridos, mas a polícia já confirmou seis mortos.

Três homens armados em fuga deixaram ao menos seis mortos e vários feridos nesta sexta-feira em um shopping de Munique, sul da Alemanha, um ato cuja natureza terrorista ainda não foi confirmada, mas que acontece dias após um ataque com um machado na mesma região.

"Testemunhas relatam três pessoas diferentes com armas", indicou a polícia de Munique no Facebook, dizendo não saber onde os suspeitos estão.

Mais cedo, um porta-voz havia relatado "vários mortos e feridos" no tiroteio que aconteceu perto do Parque Olímpico de Munique.

Em sua conta no Twitter, a polícia de Munique indicou que "uma grande operação policial está em andamento em um shopping", e pediu à população para que não se aproxime da área.

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaSaiba o que pode mudar com o decreto de armas https://t.co/K9dov1SsUehá 1 horaRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaEm carta, governadores pedem revogação de decreto que flexibiliza porte de armas https://t.co/nzzfn4qr9Lhá 1 horaRetweet
A Notícia
Busca