Feira do Livro de Joinville 2019 terá objetivo de reforçar laços culturais entre Brasil e Portugal - Geral - A Notícia

Versão mobile

 

Cultura26/09/2018 | 13h58Atualizada em 26/09/2018 | 13h58

Feira do Livro de Joinville 2019 terá objetivo de reforçar laços culturais entre Brasil e Portugal

Lançamento da 16ª edição do evento ocorreu nesta quarta. Além de homenagear o País coirmão, organização busca incentivar a leitura entre os jovens com o tema "Aproximando Corações"

Feira do Livro de Joinville 2019 terá objetivo de reforçar laços culturais entre Brasil e Portugal Luan Martendal/A Notícia
Organizadores e incentivadores da Feira do Livro de Joinville lançaram o evento de 2019 nesta quarta-feira Foto: Luan Martendal / A Notícia

"Aproximar Corações" e fortalecer os laços de Brasil e Portugal são as escolhas para ganhar o público leitor na 16ª edição da Feira do Livro de Joinville, marcada para os dias 7 a 16 de junho de 2019, no Expocentro Edmundo Doubrawa. A temática foi revelada durante o lançamento do evento, realizado na manhã desta quarta-feira (26) no Sesi Joinville.

De acordo com Sueli Brandão, presidente do Instituto da Cultura e Educação e organizadora do evento, o objetivo de homenagear Portugal é o de aproximar os leitores da cultura lusitana, enriquecida por nomes de escritores e poetas reconhecidos mundialmente, como Fernando Pessoa, Luís de Camões, Eça de Queiroz e José Saramago.

— Portugal coroa o tema da próxima edição "Aproximando corações", como país homenageado porque com isso procuramos reatar ou reforçar cuidadosamente os fios da nossa história, sobretudo pela herança da língua portuguesa — explica.

Com o lançamento há 253 dias do seu início, a Feira do Livro tem como esforço manter a excelência das últimas edições. A intenção é de que o tema seja trabalhado ao longo do ano, segundo a organização, com o desafio de trazer à Joinville “as melhores e mais representantes vozes da nossa literatura tanto na criação, quanto nos estudos e pesquisas para refletir e debater as grandes questões da leitura e da busca incessante da conquista de novos leitores e da qualificação de nossas relações com a arte, com as palavras e com as pessoas”.

— Nosso tema tem a ver com essa proposta e de como a arte tem várias leituras, a primeira e mais óbvia é a nossa convicção de que a arte, especialmente a literatura, é a melhor forma de aproximar e de aquecer os corações. É a expressão da nossa humanidade. Também queremos enfatizar, acenar com essa incrível força e poder da literatura para toda a sociedade, mas sobretudo para nossos adolescentes e jovens, dado o fato reconhecido em pesquisas de que nessa fase da vida, com frequência, esquecemos ou arrefecemos nosso interesse pelos livros — aponta Sueli.

A ideia é de que, a partir desta quarta-feira, a sociedade, as universidades, o poder público e entidades representativas como a Academia Joinvilense de Letras e Associação das Letras de Joinville reflitam e apontem nomes que possam vir a ser convidados para participar da próxima edição da feira.

Influência literária portuguesa

Em vídeo durante a cerimônia, o cônsul de Portugal em Santa Catarina, André Lupi, destacou que a homenagem ao país coirmão coincide com os 20 anos da concessão do título de Doutor Honoris Causa para o autor português e Prêmio Nobel de Literatura, José Saramago.

— É também uma satisfação ver que a língua portuguesa falada hoje por mais de 250 milhões de pessoas recebe essa homenagem neste importante evento literário e de grande repercussão em todo o país, e, no qual muitos autores novos e interessantes certamente serão levados ao conhecimento do público — salientou.

Patronesse da Feira do Livro de Joinville, Ednar Abuhab, também saudou a escolha lembrando os principais nomes da literatura portuguesa, em especial, Luís de Camões, citando um trecho da obra do poeta ("Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades, muda-se o ser, muda-se a confiança: todo o mundo é composto de mudança, tomando sempre novas qualidades") para indicar o que se espera do evento.

— Desejo que nosso amor pela literatura e pelos livros seja a embarcação que vai nos guiar pela expedição que estamos começando agora e terá no dia 7 de junho o seu novo ponto alto, a abertura da 16ª Feira do Livro de Joinville — discursou.

SERVIÇO:
O quê?
Feira do Livro de Joinville 2019
Quando? 7 a 16 de junho de 2019
Onde? Expocentro Edmundo Doubrawa

Leia Mais:
Feira do Livro recebe mais de 100 mil pessoas em 10 dias de evento
"A leitura me fez escritora", diz Marina Colasanti na Feira do Livro de Joinville
Pais aproveitam Feira do Livro de Joinville para incentivar nos filhos o gosto pela leitura
"Se a literatura é boa, ela é atemporal", defende Pedro Bandeira na Feira do Livro de Joinville

Livro de Joinville

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaApós transplante de rim, Rogério pode sonhar com nova vida ao lado da família https://t.co/5oQiFFInBN #LeianoANhá 51 minutosRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaLucélia mudou para Joinville em busca da garantia de transplante dos rins https://t.co/D8wQsGyrSQ #LeianoANhá 51 minutosRetweet
A Notícia
Busca