Buracos e falta de iluminação ainda são problemas na Serra Dona Francisca - Geral - A Notícia

Versão mobile

 

Infraestrutura13/09/2018 | 09h09Atualizada em 13/09/2018 | 09h09

Buracos e falta de iluminação ainda são problemas na Serra Dona Francisca

Rodovia estadual teve melhorias na sinalização, mas problemas estruturais ainda oferecem riscos aos motoristas

Buracos e falta de iluminação ainda são problemas na Serra Dona Francisca Salmo Duarte/A Notícia
Buracos, apesar de alguns terem sido fechados, ainda são problema Foto: Salmo Duarte / A Notícia

Depois do início da campanha para revitalizar a SC-418, conhecida como Serra Dona Francisca, a rodovia começou a receber reparos. A cobrança por melhorias tem sido feita desde abril por associações empresariais da região Norte e Planalto Norte de Santa Catarina, entre outras entidades. A reportagem percorreu a rodovia para conferir quais providências já foram tomadas para aumentar a segurança aos motoristas. O principal ponto melhorado foi a sinalização, com pintura de faixas e corte do mato para deixar placas visíveis. Os buracos, apesar de alguns terem sido fechados, ainda são problema. 

Segundo Márcia Romilda Hass, de 49 anos, que mora e trabalha na região da serra há duas décadas, o grande problema da rodovia é a falta de manutenção. Ela defende que é preciso fazer o recapeamento para acabar com os buracos e também limpar as caneletas para evitar que a água da chuva escorra nas pistas. 

— A iluminação é outro problema. Antes, queimava uma ou outra lâmpada e já vinham trocar, mas depois pararam com a fiscalização e as pessoas começaram a roubar os cabos. Hoje, está tudo escuro aqui — conta. 

O sub-comandante do posto da Polícia Militar Rodoviária em Campo Alegre, sargento Prado, confirma que houve o furto dos cabos na rodovia. Ele defende que tenha uma manutenção mais frequente na SC-418, inclusive na iluminação, para ajudar na prevenção de acidentes.

— Os três fatores que mais contribuem para os acidentes é a neblina/serração, sujeira na pista de mato e galhos que caem, e a escuridão — aponta. 

 JOINVILLE,SC,BRASIL,10-09-2018.Segurança na Serra Dona Francisca.(Foto:Salmo Duarte/A Notícia)
Motoristas que transitam no local defendem que é preciso fazer o recapeamentoFoto: Salmo Duarte / A Notícia

O problema constante na rodovia fez até o Ministério Público entrar com uma ação civil pública contra o governo do Estado em fevereiro deste ano. O órgão solicita que o Estado execute a recuperação total da SC-418 e faça um trabalho de monitoramento periódico, a cada 30 dias, para constatar eventuais irregularidades, devendo resolver esses problemas em, no máximo, 15 dias. A Justiça ainda não proferiu decisão. 

Período eleitoral complica situação 

O superintendente do Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra) no Norte do Estado, Ademir Machado, admitiu que o problema da falta de iluminação na rodovia não deve ser resolvido neste ano. Segundo ele, a situação está complicada, inclusive, por causa do momento eleitoral. 

Ademir explica que não há orçamento para realizar a instalação da iluminação, principalmente porque o investimento deverá ser superior a R$ 900 mil. De acordo com o superintendente, há recurso previsto para ser repassado pelo Ministério do Turismo, mas ainda não houve uma definição a respeito.

— Estamos tentando ver se liberamos isso, mas já estamos no meio de setembro. Dificilmente vai acontecer, mas não podemos perder a vontade e a esperança — comentou.

O Deinfra instalou um pórtico na rodovia, reforçou parte das placas de sinalização e instalou uma lombofaixa próximo a uma escola antes no começo da serra. Agora o departamento vai atuar na parte de sinalização vertical e horizontal. Segundo Ademir, a parte de defensas (guardrails) também está pendente na SC-418.

Ele ainda garantiu que a operação tapa buracos ocorre regularmente porque todas as semanas a equipe faz inspeção na pista para verificar a existência de irregularidades na pista. 

 JOINVILLE,SC,BRASIL,10-09-2018.Segurança na Serra Dona Francisca.(Foto:Salmo Duarte/A Notícia)
Principal ponto melhorado foi a sinalização, com pintura de faixas e corte do matoFoto: Salmo Duarte / A Notícia

Campanha por melhorias continua 

Os representantes das associações empresariais de Joinville, Campo Alegre, São Bento do Sul e Rio Negrinho, que pressionaram por mudanças, avaliam as medidas realizadas na rodovia como obra emergencial e que a necessidade de melhora é muito maior.

O representante da associação de Joinville, Ivandro de Souza, defende a necessidade de um projeto de revitalização da rodovia que contemple um maior investimento do Estado. Segundo ele, a população já paga muitos impostos para o governo não investir naquilo que é uma obrigação.

— É vergonhoso termos que fazer uma mobilização grande como essa para a serra ganhar apenas uma roçada — desabafa. 

Pouco diante das necessidades 

O empresário conta que foi realizada uma visita ao Ministério do Turismo, onde o ministro catarinense Vinicius Lummertz se comprometeu em repassar recursos para a iluminação da rodovia. De acordo com ele, agora falta o governo fazer o projeto e a licitação para ter acesso aos valores.

A presidente da associação de Rio Negrinho, Eliete Adriani da Cruz, diz que foram cumpridas promessas feitas pela Secretaria de Infraestrutura de Santa Catarina em um encontro realizado com as entidades da região. No entanto, ela acredita ainda ser muito pouco diante da necessidade da rodovia.

— A gente precisa de maiores investimentos, sobretudo na questão da iluminação e na sinalização do asfalto. Em dias de neblina, o motorista não consegue enxergar nada.

Segundo Eliete, as entidades envolvidas na campanha vão continuar a cobrar o Estado por melhorias.

Leia mais: 

Caminhão tomba na Serra Dona Francisca, em Joinville

Casal fica 36 horas na mata após acidente em Joinville


 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaHomem é morto a tiros na zona Norte de Joinville  https://t.co/HO0qe3acln #LeianoANhá 4 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaHomem é morto a tiros na zona Norte de Joinville  https://t.co/UNIZTsJHCz #LeianoANhá 5 horas Retweet
A Notícia
Busca