Ceasa de Joinville fecha atendimento por causa dos bloqueios  - Geral - A Notícia

Versão mobile

 

Manifestações25/05/2018 | 09h22Atualizada em 25/05/2018 | 09h33

Ceasa de Joinville fecha atendimento por causa dos bloqueios 

Fechamento ocorre devido à restrição de fornecimento de alimentos motivada pela greve

Ceasa de Joinville fecha atendimento por causa dos bloqueios  Salmo Duarte/A Notícia
Foto: Salmo Duarte / A Notícia
A Notícia
A Notícia

A paralisação dos caminhoneiros, que já dura cinco dias, afetou também a distribuição de alimentos em Joinville. Segundo a Prefeitura, a Central de Abastecimento (Ceasa) estará fechada neste sábado (26).  O fechamento ocorre devido à restrição de fornecimento de alimentos, motivada pela greve em todo o País. 

Nesta sexta-feira, a redução do atendimento foi intensificada em consequência dos bloqueios nas estradas. A retomada do serviço será feita com o fim da paralisação do setor de transporte. Na manhã desta sexta, dos 98 itens distribuídos no local, o Ceasa está somente com 18.

Já nesta quinta-feira,  dos nove boxes que fazem a revenda para atacadistas, pequenos mercados e verdureiras da cidade, apenas três abriram as portas durante a manhã. As que estavam abertas tinham poucos produtos em estoque.  

 JOINVILLE,SC,BRASIL,24-05-2018.Falte de combustível já afeta abastecimento verdura no Ceasa de Joinville.(Foto:Salmo Duarte/A Notícia)
Nesta quinta-feira, dos nove boxes que fazem a revenda apenas três abriram as portas durante a manhãFoto: Salmo Duarte / A Notícia

A greve continua em 17 pontos da região Norte de Santa Catarina. A paralisação começa a impactar na distribuição da gasolina e alimentos em todo o Estado. Os manifestantes nos locais ainda que na noite  noite desta quinta-feira, no Palácio do Planalto, o Governo anunciou um acordo com os caminhoneiros para suspender a paralisação em todo o país por 15 dias.

 Confira os 17 pontos de interdição nas rodovias federais e estaduais:  
- SC-416 – Itapoá, km 24,600;
- SC-417 – Garuva, km 10,800;
- SC-418 – Campo Alegre, km 46;
- BR-280 – Araquari em três pontos: km 21, km 50 e km 55;
- BR-280 – São Francisco do Sul, km 3;
- BR-280 – São Bento do Sul em dois pontos: km 122 e km 111;
- BR-280 – Rio Negrinho, km 136;
- BR-280 – Canoinhas em dois pontos: km 231 e km 235;
- BR-101 – Joinville, km 26;
- BR-101 – Araquari, km 75;
- BR-116 – Mafra, km 7;
- BR-116 – Papanduva, km 54;
- BR-116 – Santa Cecília, km 138.

 Leia mais:
Greve dos caminhoneiros continua em 17 pontos na região Norte de SC
Governo e representante dos caminhoneiros chegam a acordo para suspender greve por 15 dias
Caminhoneiros continuam concentrados às margens da BR-101, em Joinville
Falta de combustíveis é o principal impacto da greve na rotina dos moradores de Joinville
AO VIVO: acompanhe a greve dos caminhoneiros em Santa Catarina

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaJEC/Krona tenta quebrar série de derrotas na Liga neste domingo https://t.co/fzPBwQ6aK4 #LeianoANhá 3 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaConheça os joinvilenses que guardam verdadeiros patrimônios ferroviários em miniatura https://t.co/XxtEsbPGi2 #LeianoANhá 4 horas Retweet
A Notícia
Busca