Ricardo Dias: polícia registra redução de 50% de crimes com mortes em Criciúma - Geral - A Notícia

Versão mobile

Violência19/12/2017 | 18h24Atualizada em 19/12/2017 | 18h24

Ricardo Dias: polícia registra redução de 50% de crimes com mortes em Criciúma

Até ontem a cidade havia registrado 16 homicídios no ano

Ricardo Dias: polícia registra redução de 50% de crimes com mortes em Criciúma Arquivo Decom/Criciúma
Foto: Arquivo Decom / Criciúma

O relatório das investigações ligadas aos crimes com mortes, apresentado pela Divisão de Homicídios da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Criciúma esta semana, mostra redução desse tipo de ocorrência na cidade nos últimos três anos. Neste ano, até ontem a cidade havia registrado 16 homicídios (50% a menos do que em 2016 e 71% a menos que em 2015), destes 12 já foram esclarecidos, atingindo até o momento 75% de resolubilidade.

Até agora também foi registrado um latrocínio, que foi elucidado, e a morte de uma pessoa decorrente de confronto com a polícia militar. A Polícia Civil ressaltou, ainda, que o índice de elucidação presente neste balanço, se refere a inquéritos policiais com indiciamento de suspeitos ou com indicação de autoria praticada por adolescente. Segundo o delegado e coordenador da DIC, André Milanese, Criciúma está completando 80 dias sem homicídio, seguindo um movimento contrário às grandes cidades do Estado, onde o número de homicídios vem aumentando em relação aos anos anteriores.

Segundo a polícia, no ano de 2015 foram praticados 56 homicídios em Criciúma, sendo 44 deles esclarecidos. Ainda naquele ano, foi registrado um latrocínio, que foi esclarecido, e duas mortes decorrentes de confronto com as polícias civil e militar. Em 2016, foram registrados 32 assassinatos, 43% a menos do que no ano anterior. Destes, 27 (equivalente a 84%) foram resolvidos.

A DIC de Criciúma também já havia divulgado um balanço com os registros de roubos na cidade nos últimos 10 anos no acumulado de janeiro a outubro. O índice deste ano foi o menor registrado desde 2008. Em relação ao ano passado, as ocorrências diminuíram 28%, com uma queda ainda maior, de 35%, na comparação com 2015.

Leia também:

Ricardo Dias: usina é vista como solução para iluminação da ponte

Ricardo Dias: Audiência no MP do trabalho busca solução à greve em hospital

Com protestos, vereadores aprovam "Escola Sem Partido" em Criciúma





 

 

 

 

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaElton Carvalho: JEC pagou por confundir vontade com faltas na Ressacada https://t.co/2RGcAPGGYF #LeianoANhá 3 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaJEC larga na frente, mas cede a virada e perde para o Avaí na Capital https://t.co/NzewLW16ei #LeianoANhá 5 horas Retweet
A Notícia
Busca