Moradores de Lages retomam rotina após atropelamento - Geral - A Notícia

Versão mobile

Após tragédia02/12/2017 | 17h23Atualizada em 03/12/2017 | 12h27

Moradores de Lages retomam rotina após atropelamento

Trabalhadores como picolezeiro Alcindo de Lima relatam como foi o atropelamento e tentam voltar à rotina a partir deste sábado

Moradores de Lages retomam rotina após atropelamento Leo Munhoz/Diario Catarinense
O picolezeiro Alcindo de Lima, de 67 anos, quase foi atingido pelo veículo na sexta-feira Foto: Leo Munhoz / Diario Catarinense

À primeira vista, a movimentação intensa de pessoas pelo calçadão Túlio Fiúza de Carvalho, no centro de Lages, indica que a rotina de pedestres e comerciantes da região já está de volta ao normal neste sábado. Lojas abriram as portas como de costume e feirantes assumiram os lugares de sempre. Mas não há outro assunto nas esquinas e rodas de conversa do calçadão: só se fala no caso do motorista que provocou um atropelamento coletivo na sexta-feira.

Figura já conhecida do local, onde vende picolés no mesmo ponto com um carrinho há 13 anos, Alcindo de Lima, 67 anos, ganhou ainda mais acenos e cumprimentos neste sábado. Isto porque o Sandero desgovernado atingiu em cheio o carrinho dele ao fazer uma curva para sair do calçadão. Imagens de uma câmera de monitoramento registraram o momento da colisão. O carrinho foi parar no meio da rua, mas o picolezeiro, que estava em um banquinho, não chegou a ser atropelado.

Seu Alcindo não sabe explicar ao certo se caiu com o impacto ou se jogou no chão por reflexo, mas agradece que escapou praticamente ileso.

— Só bati o joelho no meio-fio. Até quiseram me atender, mas não precisava. Estava com o corpo quente e não sentia nada. Agora dói um pouquinho, mas graças a Deus minha esposa não estava junto - relembra.

A mulher dele, Helena Maria, costuma encontrá-lo para levar o almoço. Naquela hora, diz Alcindo, ela havia acabado de descer a rua para fazer compras.

Passado o susto, o picolezeiro fez questão de ocupar o mesmo local de sempre neste sábado. Só mudou de carrinho porque o do dia anterior ficou danificado.

— A partir de agora, ele vai ter que usar retrovisor - brincou um dos clientes que o cumprimentou neste sábado.

lages, atropelamento
Carro invadiu calçadão de avenida central da cidade de Lages, atropelando diversas pessoasFoto: Leo Munhoz / Diario Catarinense

Uma vítima permanece internada

Janaína Antunes Correia, de 33 anos, é a única vítima do atropelamento em série que permanece internada no Hospital Nossa Senhora dos Prazeres neste sábado. Ela sofreu politraumatismo e seu quadro clínico é considerado grave.

O policial militar Joel Alves de Souza, 48 anos, que foi atingido e arrastado quando tentou impedir a fuga do veículo, recebeu alta por volta do meio-dia deste sábado - as outras quatro vítimas, que tiveram apenas ferimentos leves, já haviam recebido alta.

Motorista é sepultado em cerimônia breve

O motorista do Sandero, Giovanni Oliveira Fornari, 41 anos, foi sepultado no começo da manhã deste sábado, no cemitério Parque da Saudade, em Lages. A cerimônia foi rápida e contou com a presença de um pequeno grupo de pessoas. Com medo de que houvesse manifestações de hostilidade, familiares pediram à funerária e à administração do cemitério que o horário e o local não fossem divulgados com antecedência.

Giovanni foi baleado no abdômen após ter cometido os atropelamentos no calçadão. Ele estava em fuga e, conforme a PM, recebeu o disparo quando tentou atacar policiais com uma faca. Morreu ainda na tarde de sexta, no hospital.

A investigação preliminar do caso, conforme a Polícia Civil, considera a hipótese de que o crime teve motivação passional.

Veja o passo a passo do atropelamento em Lages

Leia mais
Duas vítimas de atropelamento em calçadão de Lages continuam no hospital


Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaCarro roubado é recuperado na BR 101 em Joinville https://t.co/XhqLsM0b0S #LeianoANhá 1 horaRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaCarro roubado é recuperado na BR 101 em Joinville https://t.co/Q3DU6JFdyl #LeianoANhá 1 horaRetweet
A Notícia
Busca