Cinco coisas que você precisa saber nesta segunda-feira - Geral - A Notícia

Versão mobile

AN indica23/10/2017 | 08h22Atualizada em 23/10/2017 | 08h22

Cinco coisas que você precisa saber nesta segunda-feira

AN indica cinco assuntos importantes para o dia de hoje

 Confira cinco notícias que são destaque nesta segunda-feira 

1 - Loetz: Serasa contabiliza 179,5 mil inadimplentes em Joinville

 Em Joinville há 179.500 consumidores inadimplentes, de um total de 415 mil moradores com mais de 18 anos. Isso representa 43%. Ou para uma população estimada pelo IBGE de 577 mil habitantes, os negativados são praticamente um terço do total de moradores no município. A informação é do Serasa Consumidor, braço da Serasa Experian voltado ao cidadão, em parceria com a securitizadora Ativos S.A. 

2 - Saavedra: Valor destinado para obras na BR-280 em 2018 será maior do que o esperado, diz senador

Dário Berger citou um montante diferente para a BR-280 no Orçamento da União para 2018: o senador do PMDB garantiu que a previsão para o ano que vem para a duplicação é de R$ 72 milhões, o mesmo valor reservado em 2017.

3 - Bolshoi Brasil divulga lista de 46 aprovados na maior seleção de dança do país

 Durante este final de semana, cerca de 600 crianças e jovens passaram pela Escola do Teatro Bolshoi, em Joinville, em busca da realização do sonho de se tornar bailarino. O índice de candidatos por vaga chegou a 60, uma disputa acirrada.  

4 - Motoristas que trafegam na Serra Dona Francisca  lidam com buracos e falta de iluminação 

 Subir ou descer a Serra Dona Francisca em qualquer horário do dia já é um teste para o coração e para a prudência dos motoristas que percorrem os 68 quilômetros da SC-418. À noite, então, o desafio aumenta, não só pela complexidade da rodovia, que tem quatro curvas perigosas entre os km 13 e 24, mas, principalmente, pelos problemas de infraestrutura da pista. 

5 - Projeto de lei de vereador mirim de Joinville é aprovado em Brasília

O projeto de lei apresentado pelo deputado mirim de Joinville, Caio Vinícius Santiago Simas, foi aprovado na manhã de sexta-feira (20) no Plenário da Câmara dos Deputados, em Brasília. Agora, o projeto poderá ser apresentado como projeto de lei por deputados e tramitar normalmente no Congresso. 

A Notícia
Busca