Reitor da UFSC preso nesta quinta foi eleito em novembro de 2015 - Geral - A Notícia

Versão mobile

Operação Ouvidos Mouros14/09/2017 | 10h31Atualizada em 14/09/2017 | 10h31

Reitor da UFSC preso nesta quinta foi eleito em novembro de 2015

Luiz Carlos Cancellier foi empossado em 10 de maio de 2016

Reitor da UFSC preso nesta quinta foi eleito em novembro de 2015 Henrique Almeida/Agecom/UFSC
Foto: Henrique Almeida / Agecom/UFSC

O reitor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) Luiz Carlos Cancellier, que foi preso na manhã desta quinta-feira em operação da Polícia Federal chamada Ouvidos Moucos, foi eleito em 11 de novembro de 2015. Ele disputou o segundo turno com Edson De Pireri e foi empossado no dia 10 de maio do ano seguinte.

Com apoio da Controladoria Geral da União e Tribunal de Contas da União, a PF desarticulou uma organização criminosa que supostamente desviou recursos para cursos de Educação a Distância (EaD) da UFSC. Cancellier substituiu a professora Roselane Neckel, que disputou a reeleição após um mandato marcado por polêmicas e acabou não indo para o segundo turno na corrida pela reitoria.

O mandato de Cancellier termina em 2020 ao lado da vice-reitora, Alacoque Lorenzini Erdmann, que encontra-se em viagem internacional para o México. 

Bacharel, mestre e doutor em Direito, Luiz Carlos Cancellier é especialista em Gestão Universitária e Direito Tributário. 

Leia mais:

Moacir Pereira: reitor preso passou os últimos dias em evento em Portugal

PF prende reitor da UFSC em ação que apura desvios de recursos


Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaPresidente quer deixar o JEC mais "saudável" até o fim de sua gestão https://t.co/uwECdILqMz #LeianoANhá 7 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaPrimeiro encontro de gêmeos de Joinville será realizado no dia 27 https://t.co/ryyZk6tRRZ #LeianoANhá 7 horas Retweet
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros