Três em cada 10 motoristas com carteira suspensa em Florianópolis entraram com recurso  - Geral - A Notícia

Versão mobile

Detran-SC20/07/2017 | 18h44Atualizada em 20/07/2017 | 18h44

Três em cada 10 motoristas com carteira suspensa em Florianópolis entraram com recurso 

No final de 2016, 11,7 mil condutores da Capital foram notificados sobre a suspensão devido ao acúmulo de pontos na CNH

Parece longe de se concretizar a estimativa do Departamento de Trânsito em Santa Catarina (Detran-SC) de que 541 mil motoristas catarinenses iriam ter a carteira nacional de habilitação (CNH) suspensa neste ano porque atingiram 20 pontos ou mais em infrações em um período de 12 meses entre 2012 e 2016. O número representava 15% do total de 3,5 milhões de condutores do Estado e era justificado pela implantação de um sistema automatizado para suspensão do direito de dirigir pelo Detran/SC. 

Porém, o processo automatizado, que iniciou pela Capital, quando 11,7 mil condutores foram notificados da suspensão, ainda não avançou. A meta era comunicar, ainda em março, outros 15 mil motoristas em Florianópolis e expandir o sistema para Blumenau, Balneário Camboriú, Joinville e Itajaí.

Dados fornecidos pelo Detran-SC por Lei de Acesso à Informação a pedido do DC apontam que cerca de 30% dos 11,7 mil condutores notificados até agora entraram com recurso contra a suspensão. As defesas ainda estão em análise. 

Com o acúmulo de pontos na carteira, o Detran determina o tempo de suspensão do direito de dirigir, que pode variar de um mês a um ano. No caso dos motoristas de Florianópolis, a média foi de 30 dias.

Confira suas multas no site do Detran-SC.

Além disso, o departamento não soube informar quando devem implementar o sistema automatizado em outras cidades do Estado, pois ainda está em fase de finalização no sistema.

O Detran-SC também afirmou, ainda via Lei de Acesso à Informação, que não sabe quantas CNHs foram efetivamente suspensas até agora. O DC solicitou novamente os dados no final do mês passado, mas não teve resposta dentro do prazo estabelecido, que é de 20 dias.

Entenda o caso 

O Detran-SC contava com um sistema manual de análise dos casos até dezembro de 2016, quando foi substituído por um processo automatizado para cumprir uma das medidas apontadas por auditoria do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Em 2015, o TCE mostrou que o órgão puniu apenas 1,6% dos motoristas do Estado que ultrapassaram o limite de pontos entre 2010 e 2012.

No final do ano passado, o Detran começou a notificar 11,7 mil motoristas de Florianópolis sobre a suspensão referente a infrações ou acúmulo de pontos entre 2012 e 2013. Depois disso, não houve mais avanços no sistema, que não foi expandido a outras cidades. 

Loading...

Loading...



Leia também:

Detran-SC vai notificar suspensão de CNH em mais 4 cidades em março. Veja quais são

541 mil condutores de SC terão a carteira de habilitação suspensa neste ano

Detran começa a notificar motoristas por suspensão de carteira devido a multas antigas

Detran-SC libera consulta online de histórico de multas dos últimos cinco anos 

Projeto de lei quer obrigar Detran SC a aplicar suspensão no mesmo ano em que a CNH acumular 20 pontos

TCE aponta que SC pune apenas 1,6% dos motoristas que estouram pontos na carteira


A Notícia
Busca