Fatma multa prefeitura de Balneário Camboriú por atraso em documento - Geral - A Notícia

Versão mobile

 

 

Taquaras15/06/2017 | 11h28Atualizada em 15/06/2017 | 11h28

Fatma multa prefeitura de Balneário Camboriú por atraso em documento

Papéis são exigidos para licenciamento da ETE de Taquaras

A Fatma multou a prefeitura de Balneário Camboriú em R$ 40 mil por não ter apresentado no prazo documentos necessários à renovação da licença ambiental da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) de Taquaras. A autuação ainda vai tramitar no órgão ambiental e pode ter o valor alterado.

Poluição descartada

Técnicos da Fatma descartaram a hipótese de um vazamento da ETE ter causado mau cheiro na Lagoa de Taquaras, que transbordou durante o período de chuvas na semana passada. Aparentemente, a água escura que subiu da lagoa foi mesmo resultado das características da lagoa, que tem água parada.

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaJEC é liberado pela Justiça Desportiva de atender à solicitação da Polícia Militar https://t.co/maoHLXWUE8 #LeianoANhá 7 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaPianista prodígio apresenta concerto gratuito em Joinville https://t.co/qAKLId5ivj #LeianoANhá 12 horas Retweet
A Notícia
Busca