Justiça Eleitoral aprova com ressalvas a prestação de contas de Jean Kuhlmann - Geral - A Notícia

Versão mobile

Política09/03/2017 | 15h53

Justiça Eleitoral aprova com ressalvas a prestação de contas de Jean Kuhlmann

Justiça Eleitoral aprova com ressalvas a prestação de contas de Jean Kuhlmann Patrick Rodrigues/Agencia RBS
Foto: Patrick Rodrigues / Agencia RBS

A juíza Jussara Schittler dos Santos Wandscheer, da 89ª Zona Eleitoral, aprovou com ressalvas a prestação de contas da campanha de Jean Kuhlmann (PSD) à prefeitura de Blumenau no último ano. A decisão, de 27 de fevereiro, vai contra um parecer técnico inicial de dezembro que recomendava a rejeição. Na época um analista nomeado pelo juízo havia apontado supostas irregularidades relacionadas ao descumprimento de prazos para a entrega de relatórios financeiros.

:: Leia mais informações de Pedro Machado

O principal ponto de divergência apontado, no entanto, era de que Kuhlmann não teria comprovado a propriedade e a origem de R$ 350 mil em espécie declarados no registro de bens de candidatura. O pessedista, ao recorrer, alegou que o valor havia sido declarado no Imposto de Renda.

A tese foi acatada pela juíza, que considerou ainda que, por ser deputado estadual, o ex-prefeiturável tinha rendimento mensal compatível com a evolução do patrimônio verificada na documentação.

A Justiça Eleitoral já havia aprovado, também com ressalvas, a prestação de contas da campanha de Napoleão Bernardes (PSDB).

JORNAL DE SANTA CATARINA

 
 
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros