Continua a busca por jovem desaparecido após queda de jet ski em Joinville - A Notícia

Versão mobile

 

Acidente21/09/2018 | 10h32Atualizada em 21/09/2018 | 10h32

Continua a busca por jovem desaparecido após queda de jet ski em Joinville

Buscas com mergulhadores foram suspensa, procura continua com embarcações

Continua a busca por jovem desaparecido após queda de jet ski em Joinville Reprodução/Reprodução
Foto: Reprodução / Reprodução
A Notícia
A Notícia

A procura continua pelo jovem de 21 anos desaparecido após cair de um jet ski em Joinville. Segundo os Bombeiros Voluntários, como já se passaram 72 horas desde que Matheus Hammes sumiu, as buscas com mergulhadores foram suspensas sendo feitas agora somente com embarcações. Nos últimos dois dias, o grupo aquaviário dos bombeiros realizou os trabalhos no fundo do mar no lugar onde ele foi visto pela última vez. 

Inicialmente, a equipe concentrou a averiguação em um raio de 40 metros nos arredores do acidente. De acordo com Sidnei Andrade, líder do grupo aquaviário, o protocolo é seguido pelos bombeiros já que a correnteza presente no dia não era suficiente para movimentar Matheus de lugar. Por causa da possível ausência de ar nos pulmões e o peso do corpo, a probabilidade era de que ele estivesse perto do local onde afundou.  

Na manhã desta sexta-feira (21), após o período de buscas no fundo do mar, a equipe de resgate iniciou a procura somente nas margens da Baía e dos mangues já que, passadas 72 horas, a tendência do corpo é emergir na vertical podendo ser levado pela correnteza.  

— Como não há materiais no fundo do mar que possam prendê-lo, como galhos, por exemplo, a partir de agora ele vai flutuar a corrente pode levá-lo para as margens ou para o mangue — explica Andrade.  

O helicóptero Águia da Polícia Militar (PM) auxilia nos trabalhos e as buscas ainda devem continuar pelos próximos dias. 

Relembre o caso

O jovem desapareceu por volta das 16h40 da última terça-feira (18), após cair um jet ski na Vigorelli, na zona Norte da cidade. Ele realizava manobras com o veículo e não utilizava colete salva-vidas na hora do acidente. Segundo Andrade, Matheus caiu a uma distância de dez metros do jet ski e tentou retornar ao veículo duas vezes. Conforme relato de testemunhas aos bombeiros, ele acabou afundando no mar enquanto nadava até o veículo.

No momento do acidente, a maré estava alta na Vigorelli com aproximadamente 12 metros de profundidade. O atendimento dos bombeiros iniciou no dia do acidente, mas como estava escurecendo as buscas foram suspensas e retomadas no dia seguinte. 

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaBasquete Joinville estreia com vitória no NBB https://t.co/vfHm4kNXpP #LeianoANhá 1 horaRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaJEC vence o Fluminense e volta à zona de classificação da Copa Santa Catarina https://t.co/Kbta84L1Hy #LeianoANhá 2 horas Retweet

Veja também

A Notícia
Busca