Advogado de Joinville recebe voz de prisão por exercer irregularmente a profissão - A Notícia

Versão mobile

 

Direito11/09/2018 | 14h55Atualizada em 11/09/2018 | 14h55

Advogado de Joinville recebe voz de prisão por exercer irregularmente a profissão

Ele estava participando de uma audiência na manhã desta terça-feira

Advogado de Joinville recebe voz de prisão por exercer irregularmente a profissão /
A Notícia
A Notícia

A Comissão de Ética e Fiscalização do Exercício Profissional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Joinville juntamente com o Comitê de Fiscalização do Planalto Norte da OAB/SC, flagrou na manhã desta terça-feira, 11 de setembro, uma infração ao Estatuto da Advocacia e ao Código de Ética Profissional em andamento da Justiça do Trabalho. O advogado, que está suspenso desde setembro de 2017, estava participando de uma audiência como procurador de uma das partes.

O Comitê de Fiscalização, na ocasião representado pelos advogados Ciro José de Morais,  Adir Martins e Gustavo Guedes, deram voz de prisão ao advogado, com base nos artigos 205 e 301 do Código Penal. Ele foi conduzido à Central de Polícia, no bairro Boa Vista, para lavratura de um Termo Circunstanciado.  O homem ainda responderá a um Procedimento Ético Disciplinar por exercer irregularmente a profissão, podendo até ser excluído dos quadros da OAB/SC. As informações foram repassadas pela OAB Joinville, que não divulgou o nome do advogado.

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaHomem é preso em flagrante por assalto em comércio de Balneário Piçarras https://t.co/5zwz6pYCpG #LeianoANhá 2 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaHomem é preso em flagrante por assalto em comércio de Balneário Piçarras https://t.co/bwuTTpeOme #LeianoANhá 2 horas Retweet

Veja também

A Notícia
Busca