Polícia Militar retoma segurança na rodoviária de Joinville - A Notícia

Versão mobile

 

 

Mudança18/05/2018 | 16h43Atualizada em 18/05/2018 | 16h44

Polícia Militar retoma segurança na rodoviária de Joinville

Antes realizado pela Guarda Municipal, serviço voltou a ser de responsabilidade da PM

Polícia Militar retoma segurança na rodoviária de Joinville Divulgação/Divulgação
Polícia vai atuar durante 24 horas por dia no terminal Foto: Divulgação / Divulgação

A Polícia Militar reassumiu a segurança da Rodoviária de Joinville na última quinta-feira. Uma guarnição com dois policiais permanecerá no local diariamente durante 24 horas. Segundo o comandante do 8º Batalhão da PM, tenente-coronel Jofrey Santos da Silva, também haverá operações no entorno para solucionar o problema de insegurança no terminal de passageiros.

A corporação já trabalhou no prédio público até julho de 2015, quando o serviço foi assumido pela Guarda Municipal. Com o aumento dos problemas na rodoviária e no entorno, a PM volta a cuidar da segurança no local.

— A Guarda Municipal assumiu e, infelizmente, não tem dado conta de toda essa problemática que se instalou lá. Nossa presença vai fazer que, efetivamente, tenhamos segurança no local — explica Jofrey.

De acordo com o comandante, será criada uma força-tarefa com órgãos de saúde, assistência social e limpeza pública. Liderado pela Polícia Militar, o trabalho busca resolver os problemas com segurança e urbanização.

Há um mês, a reportagem esteve na rodoviária e apurou com funcionários e usuários que a sensação de insegurança ainda permanecia mesmo depois de guardas municipais voltarem a ocupar um lugar dentro do terminal. Uma das principais reclamações era de que a Prefeitura não cumpriu com a promessa de colocar o órgão de segurança durante 24 horas por dia no local.

Reforma na rodoviária depende de lançamento de edital

O lançamento do edital de reforma da Rodoviária de Joinville deve acontecer nos próximos dias. A promessa do Instituto de Previdência Social dos Servidores de Joinville (Ipreville), órgão proprietário do imóvel, o documento seria lançado na segunda quinzena de maio.

Previsto inicialmente para 30 de abril, o lançamento teve mudança de prazo por causa da necessidade de atualização dos valores orçados para os materiais previstos na reforma. Essa atualização ficou a cargo da equipe técnica da Associação dos Municípios do Nordeste de Santa Catarina (Amunesc).

A reforma contempla a recuperação de todo sistema hidráulico, elétrico e estrutural como cobertura, pisos, pintura e adequação das rampas de acessibilidade. O investimento está estimado em R$ 2,5 milhões com recursos da taxa de administração da instituição. 

Segundo o Ipreville, várias empresas já manifestaram o interesse em participar da licitação. Assim que o edital for lançado, em maio, inicia um de mais 30 dias para se habilitarem. Em seguida será escolhida a concorrente vencedora e assinado o contrato.

As condições do prédio e a segurança nos arredores da rodoviária já foi alvo de preocupação de funcionários e usuários. Em meados de abril, a reportagem de "AN" retratou a sensação de insegurança vivenciada no local. À época, o Ipreville informou que a reforma pode ser iniciada em junho, com prazo de conclusão de um ano, após o lançamento do edital de licitação para contratação da empresa.

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaLei de Diretrizes Orçamentárias propõe orçamento de R$ 3 bilhões para Joinville em 2019 https://t.co/MKnB3p2iCg #LeianoANhá 7 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaGaroto de Joinville vence 15ª partida consecutiva e alcança top 10 da categoria no circuito europeu https://t.co/kyPGHSJXSl #LeianoANhá 7 horas Retweet

Veja também

A Notícia
Busca