Joinvilenses têm até quarta-feira para regularizar situação eleitoral - A Notícia

Versão mobile

 

Eleições04/05/2018 | 15h12Atualizada em 04/05/2018 | 15h12

Joinvilenses têm até quarta-feira para regularizar situação eleitoral

Prazo é para quem quer fazer o alistamento ou precisa fazer alterações e transferência do título

Joinvilenses têm até quarta-feira para regularizar situação eleitoral Maykon Lammerhirt/Agencia RBS
Foto: Maykon Lammerhirt / Agencia RBS

Os eleitores têm até quarta-feira para fazer o título ou regularizar a situação eleitoral e ficarem aptos para votar no próximo mês de outubro. Em Joinville, não há mais vagas para agendamento pela internet e quem não conseguiu um horário poderá ser atendido de segunda até quarta-feira, das 9 às 17 horas. O cartório eleitoral fica na rua Jaguaruna, número 38, no Centro - em frente ao Corpo de Bombeiros Voluntários.

O chefe de cartório Paulo Ribeiro conta que a equipe já está se preparando para fazer os atendimentos. Haverá reforço de profissionais vindos de outras cidades e mais guichês para atender ao público. A intenção é amenizar a situação e atender o eleitor com mais conforto.

— A gente têm tido filas para aguardar atendimento. Esperamos um movimento muito intenso, principalmente, na quarta-feira. Quem estiver na fila até ás 17 horas (de quarta) será atendido no dia ainda, seja lá até que horas for — conta.

São três grupos de eleitores que precisam procurar o cartório até a quarta-feira. O primeiro deles é de quem quer ou precisa fazer o alistamento (primeiro título). Para isso, é necessário levar um documento de identidade, CPF, um comprovante de endereço e também já identificar com antecedência o local em que quer votar para agilizar o atendimento. Em casa de jovens do sexo masculino que tenham completado 18 anos até o ano passado, é preciso levar o certificado de reservista.

O segundo grupo é dos eleitores que querem fazer a transferência do título de outras cidades para votar em Joinville. Esse público precisa estar morando pelo menos três meses na cidade e levar um documento de identidade, além de verificar previamente o local em que quer votar para agilizar o atendimento.

O terceiro grupo é de eleitores de Joinville que precisam fazer alguma alteração no cadastro eleitoral, como mudança de nome - por exemplo, quem casou e alterou os dados - ou mudanças de local de votação dentro da cidade - quem vota longe de casa e quer mudar. Os documentos são os mesmos para quem for fazer o alistamento e quem alterou o nome ainda precisa levar o documento alterado.

Excepcionalmente, neste ano também há um quarto grupo para atendimento até dia 9. São aqueles que não fizeram o cadastramento biométrico em 2016 e precisam regularizar essa situação para conseguir votar neste ano.

O chefe de cartório ressalta que eleitores que precisam apenas pagar a multa ou tirar uma certidão podem procurar o serviço depois do dia 9. A orientação é de buscarem o atendimento depois dessa data até para evitar o tumulto durante os próximos dias. Em caso de solicitação de segunda via do título de eleitor também é possível realizar a ação pelo aplicativo oficial "E-título". Esta será uma novidade para as eleições de 2018.

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaEm meio à crise, JEC busca vitória para respirar na Série C https://t.co/TWFXNZk2br #LeianoANhá 2 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaNSC TV apresenta especial Um Sonho na Nossa Santa Catarina neste sábado https://t.co/nP2H6h78Bj #LeianoANhá 3 horas Retweet

Veja também

A Notícia
Busca