Joinvilenses fazem manifestação antes de julgamento de Lula no STF - A Notícia

Versão mobile

 

Protesto03/04/2018 | 19h16Atualizada em 03/04/2018 | 19h18

Joinvilenses fazem manifestação antes de julgamento de Lula no STF

Segundo a organização, evento reuniu três mil pessoas. PM estima entre 500 e mil pessoas

Joinvilenses fazem manifestação antes de julgamento de Lula no STF Hassan Farias / A Notícia/A Notícia
Foto: Hassan Farias / A Notícia / A Notícia

Uma manifestação para apoiar a manutenção da prisão em segunda instância e a condenação do ex-presidente Lula  reuniu joinvilenses na noite desta terça-feira na praça da Bandeira, no Centro de Joinville. O evento foi organizado pelo Movimento Brasil Livre (MBL) e Vem Pra Rua. Segundo a organização, foram três mil pessoas. A Polícia Militar estima entre 500 e 1 mil manifestantes.

De acordo com Wilian Torezi, do MBL, o público superou as expectativas da organização. Ele salienta que o movimento organizou manifestações em cerca de 110 cidades do Brasil.

- Nós pedimos que amanhã o STF (Superior Tribunal Federal) mantenha a prisão em segunda instância. Isso significa que a Justiça existe e que ninguém está acima da lei - afirma.

 Leia mais
Confira mais notícias de Joinville no NSC Total 

A manifestação teve representantes dos movimentos e de outras pessoas falando ao microfone para os participantes do protesto. Houve pedido de prisão para Lula e outros políticos, além de manifestações a respeito dos órgãos da Justiça.

A advogada Bruna Girardi de Lima, 33 anos, participou da manifestação ao lado da família. Ela foi até a praça pedir para que o STF não volte atrás da decisão tomada em 2016 e que beneficia o ex-presidente Lula.

- Queremos mostrar que o povo não está dormindo. Se eles voltarem atrás é porque há influência política lá dentro - diz.

De acordo com ela, a prisão em segunda instância é uma decisão justa e plausível que já existe em outros países desenvolvidos. Bruna afirma que a análise do mérito que vai determinar se a pessoa é ou não culpada é feita até a segunda instância. A partir disso, é analisado apenas detalhes do processo em si.

- Se mudarem a decisão não vai ser só o Lula que será solto, mas um monte de gente que não deveria estar na rua - finaliza.

Os manifestantes ainda fizeram uma passeata até o Fórum, escoltados pelo Departamento de Trânsito (Detrans) e Polícia Militar.

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaConfira áudio com as propostas dos candidatos ao governo de SC para Joinville e região https://t.co/dKdUy7lj8v #LeianoANhá 5 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaComerciantes aprovam retirada dos tapumes na praça Dario Salles, em Joinville https://t.co/h7XTojF4R2 #LeianoANhá 6 horas Retweet

Veja também

A Notícia
Busca