Conheça o projeto do sistema de bombeamento de esgoto da praça Tiradentes em Joinville - A Notícia

Versão mobile

 

Infraestrutura04/04/2018 | 17h50Atualizada em 04/04/2018 | 17h50

Conheça o projeto do sistema de bombeamento de esgoto da praça Tiradentes em Joinville

Moradores do bairro Floresta realizaram protesto nesta quarta-feira contra a obra no local

Conheça o projeto do sistema de bombeamento de esgoto da praça Tiradentes em Joinville Salmo Duarte/A Notícia
Praça Tiradentes, no bairro Floresta, na zona Sul da cidade Foto: Salmo Duarte / A Notícia

Moradores do bairro Floresta, na zona Sul de Joinville, realizaram um protesto na manhã desta quarta-feira contra a construção de uma estação elevatória de esgoto na praça Tiradentes. A obra faz parte de um projeto maior que pretende avançar no tratamento de esgoto de todo o bairro. No entanto, a Águas de Joinville adiantou uma etapa desse projeto em razão da contrapartida financeira proposta por uma empreiteira que está construindo no bairro e pretendia fazer a coleta do esgoto do empreendimento imobiliário. Segundo a companhia, com isso o valor da obra se tornou mais barato.

O projeto completo não foi iniciado pela Águas de Joinville porque ainda não há recursos garantidos. Segundo a Águas de Joinville, com a estação elevatória de esgoto serão beneficiados cerca de 300 imóveis, entre eles o empreendimento imobiliário e as moradias que estão localizadas por toda a extensão da rede onde a tubulação passa. 

O projeto prevê que a instalação da estação será realizada próximo das quadras da praça Tiradentes. Durante a obra será aberto um buraco para enterrar a estrutura e depois ficará apenas um piso de concreto de cinco por sete metros de extensão, além de um painel de dois metros de altura por um metro de largura. Segundo a Águas de Joinville, apenas essa área onde ficará a estação precisará passar por obras. Outros locais da praça não sofrerão intervenções. A rede que vai chegar até a estação passará pelo meio da rua.

A estrutura a ser construída não é uma estação de tratamento. Segundo Tiago Amorim, gerente de obras da companhia, será um ponto de acúmulo e bombeamento, que vai levar o esgoto para a estação elevatória da rua Florianópolis e, posteriormente, para a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) do bairro Jarivatuba, também na zona Sul.

— O esgoto praticamente não para aqui. Ele chega e sai em seguida — afirma.

Segundo Tiago, na região Norte da cidade há muitas elevatórias em praças. É cerca de uma estrutura parecida com a da praça Tiradentes a cada três ruas. Ele explica que a tendência é sempre fazer a obra em lugares públicos para evitar mais gastos.

A obra de instalação de uma estação elevatória é de aproximadamente seis meses. No entanto, a Águas de Joinville apenas vai voltar a mexer com as obras na praça Tiradentes depois concluir as conversas e reuniões comunitárias. A companhia pretende entregar melhorias à comunidade como contrapartida. Estão previstas a pintura da quadra, instalação de telas nas quadras, colocação de areia em uma delas, melhorias na drenagem e na pista de skate.

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaConfira o obituário de 1, 2 e 3 de dezembro de 2018 https://t.co/PV6Lzm289T #LeianoANhá 6 diasRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaJEC/Krona perde para o Tubarão e se despede do Campeonato Catarinense https://t.co/OOIQQoSgXs #LeianoANhá 9 diasRetweet

Veja também

A Notícia
Busca