Joinvilenses recorrem aos rios para espantar o calor  - A Notícia

Versão mobile

Calor02/01/2018 | 18h28Atualizada em 02/01/2018 | 18h42

Joinvilenses recorrem aos rios para espantar o calor 

Com o aumento no número de banhistas, Bombeiros alertam para os cuidados dentro da água

Joinvilenses recorrem aos rios para espantar o calor  Salmo Duarte/A Notícia
Foto: Salmo Duarte / A Notícia

Em meio às áreas verdes do distrito de Pirabeiraba, na zona Norte de Joinville, a água gelada do rio Cubatão encoraja um banho para espantar o calor. Durante todo o verão, a calmaria da paisagem rural dá lugar ao movimento de diversos banhistas que buscam fugir das altas  temperaturas sem precisar encarar o trânsito das rodovias em direção às praias da região. 

O calor desta terça-feira fez com que Amanda Anacleto, 22 anos, organizasse a mochila com roupas e mantimentos e se dirigisse à Ponte Baixa. O local é bastante conhecido de quem aprecia o banho de rio em Joinville, principalmente dos que residem na região Norte. Há aproximadamente dez quilômetros do Terminal Central, o acesso ao local é feito pela Estrada do Saí. A ponte fica entre o distrito de Pirabeiraba e os bairros Jardim Paraíso e Jardim Sofia. 

Leia as últimas notícias de Joinville e região em AN.com.br

A jovem também levou a filha Emily, de sete meses, para se refrescar nesta tarde. A garotinha molhava os pezinhos pela primeira vez. Com os dedos das mãos bem agarrados aos braços da mãe, a pequena foi se acostumando aos poucos à temperatura da água. Depois de alguns minutos dentro do rio, ela já brincava batendo os pés e as mãos. Além da filha, Amanda trouxe também a cunhada, Gabrieli, nove anos, para se refrescar. 

— Eu venho às vezes aqui, mas com ela é a primeira vez. Eu acho que o rio é uma boa opção, a água é gelada. Como para ir às praias tem trânsito e é longe, eu prefiro vir no rio para me refrescar — conta Amanda. 

 JOINVILLE,SC,BRASIL,02-01-2018.Calor leva joinvilenses para se refrescar no rio da Ponte Baixa que fica localizado na Estrada Saí.Amanda Anacleto e família.(Foto:Salmo Duarte/A Notícia)
Gabrieli, à esquerda, com Amanda e a pequena Emily passaram parte da tarde dentro da águaFoto: Salmo Duarte / A Notícia

Ao longo do rio Cubatão existem vários pontos onde as pessoas se reúnem para tomar banho. Outro rio bastante procurado pelos joinvilenses é o Piraí, no Vila Nova, que também oferece diversos lugares onde é possível parar e se refrescar. Mas para curtir o banho com tranquilidade, é preciso tomar alguns cuidados antes de entrar na água: observe as condições da correnteza e evite saltar de pontes e pedras, porque há risco de acidente em áreas rasas.

— Eu vim três vezes tomar banho aqui já, eu gosto muito porque a água é bem geladinha – diz Gabrieli. 

Durante toda essa semana, a temperatura deve ficar em torno dos 28 graus, favorecendo uma visita ao rio. Para curtir o banho com tranquilidade, é preciso tomar alguns cuidados antes de entrar na água: observe as condições de correnteza e  preste atenção ao saltar  de pontes e pedras, porque há risco de acidente em áreas rasas.

Segundo o Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville, alguns cuidados devem ser observados para garantir a segurança ao tomar banho de rio: 

— Escolher um lugar seguro: procure informações sobre a profundidade do rio e do local;
— Observe a correnteza e verifique a existência de obstáculos como troncos, pedras ou galhos;
— Verifique as condições climáticas e eventos naturais, como enxurradas;
— Evite mergulhar, o risco de acidente é maior;
— Se comer, evite entrar na água;
— As crianças devem estar sempre com adultos;
— Evite ficar em áreas com grande profundidade;
— Procure ficar próximo das margens e perto de pessoas.

Outras dicas que também podem ajudar:
— Procure materiais flutuantes como boias, bolas, câmara de pneu para arremessar a uma pessoa que esteja se afogando;
— Use um bambu, vara ou toalha para tentar ajudar a pessoa a sair da água;
— Nunca use as mãos ou tente salvá-la se não tiver experiência. A pessoa em perigo está desorientada, pode agarrar quem tenta socorrê-lo e causar risco de afogamento a ambos;
— Muita atenção: após dias de chuva, rios apresentam forte correnteza e presença de vegetação e pedaços de madeira arrancados das margens.

Socorro em afogamentos:
Ligue para a Defesa Civil (199), Polícia Militar (190), SAMU (192) ou Bombeiros (193) em caso de afogamentos ou acidentes em rios. 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaSete famílias permanecem ilhadas após ponte quebrar em Joinville https://t.co/qnqzFNNJEZ #LeianoANhá 41 minutosRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaHomem é morto a tiros na zona Leste de Joinville https://t.co/QojtOpgVig #LeianoANhá 1 horaRetweet

Veja também

A Notícia
Busca